quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

TRADIÇÕES PERDIDAS?

O menino retratado na foto nasceu em 1905. Como na época já o Carnaval era tradição popular (e não só!) - e sendo filho, neto e sobrinho único - as tias solteiras faziam questão de o mascarar a rigor desde a mais tenra idade, arrastando-o para festas, corsos, fotógrafos e tudo o mais houvesse, durante os três dias de festejos. Não admira, portanto, que o meu querido e amado avô detestasse todo o espírito carnavalesco...

Por seu turno, a minha mãe também não simpatizava. O pai recusava-se a que a menina fosse mascarada (como a minha avó gostaria, mas sem coragem para se rebelar!) e, com sorte (ou azar?!), ia com uns tios ricaços e todos pomposos ao Coliseu ver o circo, num camarote de primeira, mas impedida de brincar com a restante criançada, por "poder incomodar" os amigos do tio (mais uma vez, a tia não tinha palavra a dizer sobre o assunto)!

Com antecedentes destes, está bom de ver que nunca nos mascararam em crianças, a mim e à minha irmã, mesmo que pedíssemos e quiséssemos. Mesmo assim, fartámo-nos de brincar ao Carnaval, que o meu pai, que nunca tinha tido a oportunidade de o fazer em criança, entrava no espírito folião e gozava tanto ou mais que nós, em sessões de cinema que incluíam filmes, desfile de máscaras e concurso, números de circo ou de magia e uma enorme brincadeira nos intervalos: serpentinas, papelinhos, pequenos sacos de serradura para atirar a quem aprouvesse. A minha mãe já alinhava, embora não gostasse da ideia do meu pai atirar os saquinhos a raparigas jeitosas...

Já o filhote e as minhas sobrinhas sempre tiveram a liberdade de participar conforme a sua vontade. E sempre gostaram de se mascarar, participaram em corsos e festas, essas sessões de cinema  / espetáculo / concurso de máscaras é que, infelizmente, já não existiam! Boas recordações de todos estes anos (incluindo as fotografias do meu avô, com arzinho enfastiado no fotógrafo), ninguém as tira.

Agora que as pretendam tirar às gerações de crianças atuais e vindouras, à conta da famigerada crise (quando é não estivemos metidos numa?!), consegue irritar-me ainda mais com a falta de discernimento e a arrogância sobranceira da cambada que nos governa, totalmente alheada e desinteressada das tradições do povo português... Levo a mal, o desaparecimento do Carnaval!

24 comentários:

  1. Sempre gostei muito do Carnaval. Não perdia um bailarico! Os carnavais aqui são outros... pouco interessantes.

    ResponderEliminar
  2. Pois eu adoro o Carnaval!
    Cresci a vivê-lo em festa, mascarando-me com o que a casa tinha: sacos de batatas, roupa de homem, etc. Divertia-me imenso!
    Tendo o Diogo nascido em janeiro, mascarei-o logo em fevereiro. Odiou!lol
    Chorou o tempo todo, por isso o fato de rei Leão só serviu para meia dúzia de fotos.:)
    E a saga continuou.
    Agora também ele se diverte. Só ainda não sei é se o faz porque lhe agrada andar na rua ou se já lhe peguei o bichinho.:)
    Este ano será Zorro.:)
    beijinhos

    (Também já foi mosqueteiro:))

    ResponderEliminar
  3. Anónimo2/08/2012

    A mim, tanto me faz que haja ou não Carnaval.

    Quanto à foto... faz-me lembrar o gato das botas.


    (Lapantunes)

    ResponderEliminar
  4. Nunca gostei de me fantasiar ou que mo fizessem, no Carnaval ! :))
    Reparem que até quando estudava, nunca quis usar capa e batina, pelo mesmo motivo !
    Não acho bem no entanto esta medida tomada em cima da hora, pelos prejuizos que pode causar nos comércios locais das zonas em que fazem os cortejos carnavalescos e em que já foram feitos grandes investimentos ao longo do ano.

    Há uma coisa curiosa, que falaste neste belo texto e que, creio, a maior parte dos leitores não saberá do que se trata : são os "saquinhos de serradura" ! eheheh
    .

    ResponderEliminar
  5. Também me irrita esta história toda em volta do Carnaval. Este é uma das poucas alturas onde as pessoas se podem divertir e levantar os ânimos. De minha parte sempre adorei o Carnaval e tenho por habito sair à noite com amigos nestes dias. Costumamos ir sempre mascarados porque gostamos de ir a festas temáticas. Houve um ano que fiz verdadeiro furor!! Fui mascarado de sanita ahahah. Já lá vão muitos anos mas quem sabe um dia partilho as fotos ;)
    Beijos

    ResponderEliminar
  6. O menino da foto é o teu avô??? Pode estar com um ar enfastiado, mas está super fofo :)

    Gostava muito do Carnaval, mas só até ter 10/12 anos, e mascarava-me sempre, com fardas feitas pela minha mãe ou com roupas que tínhamos lá por casa...adorava as festas, as músicas, a maquilhagem, os concursos, as serpentinas, os papelinhos...

    Depois disso e por causa de brincadeiras parvas, deixei de gostar, hoje, e tirando as crianças que adoro ver mascaradas e as músicas, não acho a menor graça ao Carnaval...está muito abrasileirado para o meu gosto...quando vejo corsos na tv com miúdas em biquini a sambar e a tremer de frio, tipos vestidos de mulher e outras coisas do género...bahhh.

    Ainda festejo, ainda me mascaro, mas em festas privadas, as chamadas festas de trazer por casa ;)

    Apesar de hoje não gostar também tenho boas recordações :)

    Quanto à decisão do governo compreendo quem está a favor e compreendo quem está contra...já aqui tinha dito que a acabarem com alguns feriados, acabassem com o dia de Carnaval...para nos divertirmos não precisamos de um dia específico, pode ser em qualquer altura...

    Beijinho :)

    *que são saquinhos de serradura?

    ResponderEliminar
  7. Eu sabiiiia que haveria quem não soubesse o que eram os "saquinhos de serradura"! eheheh
    Fica a explicação para a patroa do blog ! :)))
    .

    ResponderEliminar
  8. Para mim o pior é mesmo a forma arrogante como o PM diz as coisas. Dados os preparativos feitos por várias terras, mais valia dizer: "Ok, este é o último ano em que se dá a tolerância de ponte". Escusava de provocar tantos problemas...

    ResponderEliminar
  9. Nunca fui grande fã do carnaval e não me lembro de alguma vez me terem fantasiado.
    Mas, a propósito do carnaval, quando há poucos minutos falava ao telefone com a minha filha mais velha,consegui ouvir o meu genro comentar: Devias ficar gira se te fantasiasses de Duquesa de Alba! Isto porque ela está em Portugal e passava naquele momento na TVI. Que me perdoe a Senhora, mas é tão feiinha que não pude deixar de me rir...

    ResponderEliminar
  10. Bom, de bailaricos todos gostávamos na família e na juventude de cada um de nós, CATARINA, mas não tenho a certeza se o meu avô ia a algum carnavalesco, "traumatizado" como estava de infância... :))

    Mas da minha avó ao meu filhote e sobrinhas, todos bailámos! :D

    ResponderEliminar
  11. O meu filho mascarou-se quase todos os anos, até ao final da primária, onde seguia num corso das escolas da zona, NINA! De saloio, leão, palhaço, espantalho, Darth Vader, mosqueteiro, índio, enfim, não me lembro de todas! Até porque também participava nas festas de fim de ano letivo na escola, mascarado, aí lembro-me de ir de Ghandi e de John Travolta, por exemplo! :D

    E já em jovem estudante de liceu mascarou-se de hippie, mas aí nenhum dos colegas sabia o que era um... =))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  12. Se calhar era para ser o moleiro armado em conde, LAPANTUNES, embora me incline mais para o mosqueteiro... :D

    ResponderEliminar
  13. Também nunca tive capa e batina, RUI, mas isso nem me parece máscara, mais um show offzinho e por sinal bem carote! ;)

    Eu e a minha irmã tivemos pena que não nos mascarassem (quer dizer, tínhamos uns chapéus antigos em casa da minha avó, mas não nos deixavam ir assim para a rua), mas "vingámo-nos" mais tarde! :))

    Mas sim, se as crianças não gostam ou gostavam, não percebo porque insistiam! :S

    Claro que a medida do governo tem influência no comércio local, ainda mais quando os investimentos já tinham sido efetuados. De qualquer forma o que mais me irrita é as crianças deixarem de ter oportunidade de brincar ao Carnaval, parece que também são postas de "castigo" por causa dos erros dos adultos e, muitas vezes, dos próprios governantes! :S

    E não é que adivinhaste que alguém não sabia o que eram os ditos saquinhos? ~xf (assobiando)

    ResponderEliminar
  14. Bora aí partilhar, PSIMENTO, que é certamente uma máscara muito original! :D

    A mim irrita-me mais pelas crianças, embora também tenha gostado de todos os bailaricos, festas e "assaltos" da juventude!

    Não há direito que estes fulanos acabem com uma tradição com séculos de existência, com a desculpa da crise. Ela foi introduzida no Brasil, por exemplo, quando a corte portuguesa foi para lá durante as invasões francesas. Queres mais crise que essa?! Cambada! :P

    Beijocas para ti!

    ResponderEliminar
  15. Percebo que haja quem não goste do Carnaval, MARIA, mas quase todas as crianças adoram! E estava a falar sobretudo nelas, não nos impatos nas economias locais ou nos cortejos-cópia-brasileira! ;)

    Quanto aos saquinhos de serradura (que por sinal também podiam conter arroz, por exemplo) eram uns saquinhos pequeninos feitos com restos de tecidos coloridos - do tipo daqueles com alfazema que se põe nas gavetas - que eram usados para arremessar aos restantes foliões, que por sua vez os arremessavam de volta! Claro que havia sempre uns brutamontes que os atiravam com toda a força, mas a ideia era esquivarmo-nos a eles e acertar nos mais desprevenidos! :))

    É certo que para nos divertirmos não precisamos de dia específico, mas o Carnaval sempre propiciou estas festas temáticas, que doutro modo vão deixar de existir, buááá! :((

    Já disse aqui que a cortar feriados deveriam ser os católicos, excluindo o Natal e vá lá, a sexta-feira santa! Somos um país laico ou não somos? ~xf

    Beijocas!

    ps - se arranjar uma imagem dos ditos saquinhos ainda ponho aqui; não deve ser difícil, porque uma amiga facebookiana afirma que ainda existem aos montes nas festas de Torres Vedras... :)

    ResponderEliminar
  16. É só o que ele sabe fazer, WHITE_FOX, arranjar mais e mais chatices e problemas ao povo português! Com a arrogância do costume... :P

    ResponderEliminar
  17. Coitada da senhora, é mesmo muito feiinha, SONHADORA! :))

    Há quem não aprecie o Carnaval, mas tenho para mim que a maioria das crianças adoram! E é uma pena que fiquem de "castigo", porque esta cambada não tem sentido de humor nenhum... :(

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  18. Quem é que quer tirar o Carnaval???

    Gostei da fotografia.

    ResponderEliminar
  19. Bastou "apagarem" a data do calendário, EMATEJOCA, com a falta de bom-senso habitual! :P

    O meu vovô até era mais fotogénico... :)

    ResponderEliminar
  20. Teté, Teté, Teté, num estado confessional celebrar uma festa pagã é inadmissível. É que já temos o Natal e a Páscoa para isso :)

    ResponderEliminar
  21. Aqui só confesso que detesto estes gajos que nos tiraram o Carnaval, a nós, e sobretudo às crianças! O que é mais do que faço em qualquer confessionário, MOYLITO... :e

    ResponderEliminar
  22. Eu também detesto os gajos que tiraram o Carnaval. Mas já os detestava antes, por isso não sei se é válido este meu desabafo :)
    Sobre o dito Carnaval, não me aquece nem arrefece. Quando era adolescente gostava e mascarei-me muitas vezes. Recordo com carinho um fato à marinheira que fez furor. Ou o de Morticia, da família Adams. Com mais embaraço recordo um fato de coelho rosa e respectiva cenoura (uma coisa gigantesca recheada de esferovite com que batia em quem passava perto...).
    Bons tempos. Agora o mais próximo que tenho é o cortejo de palhaços em Sesimbra. E o de todos os dias no escritório. Dia 21 cá estarei a homenageá-los a todos, benza-os Deus.

    Que praga este PM e os acólitos dele...

    ResponderEliminar
  23. Bom, SAFIRITA, em abono da verdade também já os detestava antes de tirarem o Carnaval do calendário à má fila! Mas esta de o tirarem às crianças e aos jovens, acabarem assim com uma tradição com séculos de existência, chateia-me ainda mais! Porque, como deves calcular, eu própria já não vou para bailaricos! :))

    Enfim, vamos ver quem vai trabalhar, que da outra vez houve insubordinação, gente que não foi trabalhar e outros que foram mascarados! :D

    Ainda por cima, parece que vai haver greve da CP! ;)

    Beijocas!

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)