segunda-feira, 17 de outubro de 2011

OUTUBRO SOALHEIRO*

"Cada uma das minhas pinturas reflete os meus sentimentos, sensibilidade, paixão e a música da minha alma. A verdadeira arte é viva e inspirada pela humanidade. Acredito que a arte nos ajuda a libertar da agressão e da depressão", sintetiza o pintor bielorusso, Leonid Afremov, no seu site (que podem ver aqui).
Não há muito a acrescentar sobre Leonid Afremov, para além do ali especificado - nasceu em 1955, em Vitebsk, na antiga URSS, onde estudou na escola de arte fundada por Chagall, em 1990 mudou-se para Israel onde viveu pouco tempo e posteriormente fixou residência nos EUA - a curiosidade é que não usa os tradicionais pincéis, mas sim uma espátula que utiliza com a tinta de óleo. Apesar de tudo, o que mais me impressionou na sua pintura  foram as tonalidades fortes e multicoloridas, sobretudo em paisagens campestres, citadinas ou marítimas, que aparentam ser as suas temáticas favoritas na vasta obra realizada. Deixo aqui alguns exemplos das telas que me encantaram:




Ah, se quiserem visualizar o artista em ação, num resumo de menos de dois minutos, cliquem aqui. Existem talentos fantásticos, não é verdade?

* "Outubro Soalheiro", ou, melhor dizendo, "Sunny October"  é o título do primeiro quadro.
Imagens da net, certamente efetuadas pelo pintor ou alguém da sua confiança.

26 comentários:

  1. Fantástico, de facto!
    Quanta cor!
    Voltarei para ver o link aconselhado.:)
    beijinhos e um ótimo dia!

    ResponderEliminar
  2. sem duvida!!
    é dificil imaginar pinturas com esta qualidade a serem feitas com uma espatula!

    ResponderEliminar
  3. Muito bom, mesmo ~c

    Tirando o 3º, gostei de todos...inacreditável o que se pode fazer com uma espátula e talento :)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  4. Impressiona a intensidade das cores fortes, vermelho, azul, verde amarelos ! Curiosa a técnica. Primeiro "borra" a tela e depois "constrói" os pormenores !
    Claro que não conhecia.
    .

    ResponderEliminar
  5. Não fico impressionado, só se ele fizesse isso com uma trincha! Beijocas!

    ResponderEliminar
  6. Lindos adoro a luz e o acolhimento que transmitem :)

    ResponderEliminar
  7. Anónimo10/18/2011

    Lindo! A mistura de cores tão fortes resulta em pleno.
    Parece fácil, não?
    Beijinho Tété
    KIM

    ResponderEliminar
  8. Também achei fantástico, NINA! E sim, também foi o colorido esfuziante que mais me cativou... :D

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  9. Se vires o vídeo, VÍCIO, percebes como é que ele usa a espátula. Existem outros mais pormenorizados, mas escolhi esse mais curto, porque chega para demonstrar a técnica... :))

    ResponderEliminar
  10. Eheheh, nem estava a perceber porque não gostavas de uma das pinturas, MARIA, e depois descobri que aqui uma das imagens tinha desaparecido daqui. No IE descobri que se visualizava, mas todo aos riscos. Retirei essa imagem, obviamente. Mas obrigada pelo aviso! ;)

    Talento não lhe falta, sem dúvida! :D

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  11. Ainda fiquei tentada a colocar em enigma, RUI, mas depois eram tantos os quadro giros, alguns deles assinados, e achei o vídeo tão interessante por demonstrar tão bem a técnica da "espátula", que preferi completar logo o post, dando ainda o site do pintor! Não se pode ter tudo... :))

    ResponderEliminar
  12. Certamente existirão muitos outros instrumentos com os quais é mais difícil pintar, RAFEIRITO! Se o resultado final é tão bom, é que já não sei... :D

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  13. Afinal era engano, achei estranho gostares daqueles riscos todos, mas podia ser a primeira pintura dele, quando era bebé;;), e ter algum significado especial para ti =)) =))

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  14. A luz, a cor, e a sensação de alguma intimidade com o ambiente que rodeia, LOPESCA! :D

    ResponderEliminar
  15. As cores resultam mesmo e parece fácil, KIM, mas acho que nenhum de nós chega lá por tentativas, mesmo vendo o vídeo... :D

    Beijocas, amigo!

    ResponderEliminar
  16. Ahahah, pois, está-se mesmo a ver que andou comigo na escola, MARIA, e que o quadro riscadinho era a sua primeira tentativa de pintura no berçário... com grande significado para mim! =))

    Thanks, again! :)

    ResponderEliminar
  17. Cores vibrantes. Gostei. Amanha verei o video. Estou muito interessada.

    ResponderEliminar
  18. Fiquei apaixonado por estas imagens/telas/pinceladas!!

    Muito expressivas, sem dúvida. E as cores fortes.

    Realmente há muitos artistas que respiram arte e criatividade!

    ResponderEliminar
  19. O vídeo é um mero exemplo de como este pintor aplica a sua técnica na tela, CATARINA, mas vale muito a pena. Querendo ver mais, há outros mais longos no Youtube! :))

    ResponderEliminar
  20. Também adorei as telas quando as vi, MIGUEL! E concordo absolutamente: há artistas que respiram e transpiram talento e criatividade! :D

    ResponderEliminar
  21. Lindo, lindo, lindo!
    As cores, as texturas, os contrastes, a luminosidade, os cenários estão em perfeita sintonia outonal.
    Fantástica partilha, Teté! Adorei.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  22. Ainda bem que gostaste tanto quanto eu, TONS DE AZUL! :D

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  23. Há talentos pouco divulgados, CARLOS BARBOSA DE OLIVEIRA... :D

    ResponderEliminar
  24. a cor é absolutamente extraordinária, vibrante e vívida, como o é a Natureza. Muito interessante.

    ResponderEliminar
  25. Os coloridos são mesmo esfuziantes, MOYLITO, por vezes mais arrojados do que os da Natureza... Mas lindos! :D

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)