terça-feira, 20 de novembro de 2012

UMA LONGA CAMINHADA...

... de ida e volta, até ao hospital de Santa Maria, não me pareceu que fosse muito útil em dia de greve geral.  O chato da questão é que, em princípio, nessa consulta marcada atempadamente devia conhecer o diagnóstico médico! Após vários meses de análises e outros exames. Nada de grave (pelo menos até ver!) que perturbe o dia a dia com dores ou outras maleitas.

A primeira tentativa foi a de adiar a consulta via telefone. Gravador automático, carregue na tecla 1, 2 ou 3 para as urgências X, Y ou Z, para as consultas externas havia outra. Cliquei nessa, outro menu consoante a consulta, também não constava a minha, carreguei na tecla para as restantes. E aí a chamada caía!

Três tentativas frustradas depois, resolvi enviar um mail. Enviei, não houve registo de receção ou resposta, mas também não me foi devolvido. Pensei que a médica ia recebê-lo mais cedo ou mais tarde, mas que ainda ia ter de penar um bocado até conseguir nova consulta, lá para o próximo ano ou coisa.

Mas não! A carta chegou ontem pelo correio, com nova data marcada para o início de dezembro. Não sei se é sorte ou azar, facto é que nunca tive razão de queixa do hospital de Santa Maria. Antes pelo contrário! OK, talvez o serviço telefónico devesse ser remodelado. Mas não podem ser sempre más notícias, pois não? 

Adenda a 21 de novembro de 2012: E não é que recebi resposta ao mail, dois dias depois, mas nem reparei, no meio de tantos outros a tentar "vender-me" tanta coisa? Fica a retificação!

Colagem de fotos do exterior do hospital.

16 comentários:

  1. esse hospital é na Europa?
    é que na Europa há bastantes registos de receção (económica)...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não estarás a confundir com recessão, VÍCIO? Ai esse português... =)))

      Eliminar
  2. Também não me posso queixar...muito!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, deve de haver alguns casos pontuais, ROSA, nomeadamente em tempos de espera e tal. Mas na verdade só se houve dizer quando alguma coisa corre mal, raramente quando corre bem... :)

      Abraço

      Eliminar
  3. No dia 14 tinha eu uma consulta de avaliação pós operatória (oftalmologia) no H.S.J. no Porto.
    Fui, sem grandes preocupações, mas ligeiramente apreensivo !
    À entrada (no exterior) paquetes de greve indiciavam que poderia encontrar problemas !:((
    Na chegada à recepção o movimento habitual e uma informação no balcão de que haveria um atraso de meia hora para regularização (?) das situações de falta de alguns grevistas.
    Consulta normal para mim e para toda a gente presente !!! ... sem qualquer outro indício de greve !
    Claro que se registaram casos de "greve dos doentes" (por receio de não terem consulta), o que foi resolvido naturalmente com consulta marcada para outro dia !

    Beijoca ! :)))
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, fui uma desses grevistas, RUI! Por não ter transportes, mas essencialmente por não ter a certeza se não bateria com o nariz na porta. Não tanto da parte dos médicos, mas de pessoal de enfermagem, auxiliar ou administrativo. E daqui ao hospital ainda é um esticão a pé... :)

      Mas ainda bem que contigo tudo se resolveu!

      Beijoca!

      ps - o meu carro estava tão velhinho, que acabou por ir para abate este ano! ;)

      Eliminar
  4. Que bom ter boas notícias!

    haja alguma, rrss

    Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, especialmente porque estava a contar com nova consulta lá para março do ano que vem ou coisa, SÃO... :)

      Abraço

      Eliminar
  5. Nem tudo é mau...felizmente.:)

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Damos pouco destaque às coisas que correm bem, NINA! :D

      Beijocas

      Eliminar
  6. Também gosto de Stª Maria. Já tive lá os melhores e os piores momentos.
    Beijinho Teté

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom, também é verdade que lá morreram a minha avó e o meu avô, KIM. Mas quer dizer, não foi por falta de assistência médica, foram para lá de urgência com 78 anos e 82 anos, respetivamente, e com vários problemas cardíacos, respiratórios e tal... Milagres, já se sabe, não fazem! :)

      Beijocas!

      Eliminar
  7. Eu também não tenho qualquer razão de queixa do Santa Maria, nem dos hospitais públicos que conheço ( não por experiência rópria mas de familiares) a excepção, foi mesmo aquela que ontem relatei lá no On the Rocks.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que a minha experiência noutros hospitais é reduzida, CARLOS, pelo menos própria. Mas a minha mãe já viu um relatório clínico trocado e, há muitos anos, quando esteve internada numa enfermaria não a deixavam pôr açúcar no chá, por estar internada numa enfermaria onde as pacientes eram maioritariamente diabéticas, quando o problema dela era outro. Enfim, o médico teve de confirmar que ela não era diabética... Mas nenhum desses hospitais, o primeiro privado e o segundo pública foi Santa Maria! ;)

      Eliminar
  8. Há serviços que atendem muito bem, haverá outros que, por falta de pessoal, tenham mais dificuldade em cumprir horários. Esses gravadores automáticos são, muitas vezes, mais que frustrantes. São irritantes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, normalmente estes gravadores automáticos são mesmo muito irritantes, CATARINA, e não só em hospitais... Mas num hospital daquela dimensão, também não estou a ver que catrefada de telefonistas deveriam ter para solucionar a situação! ;)

      Eliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)