segunda-feira, 7 de maio de 2012

2º E 3º ROUND!

Na Feira do Livro de Lisboa, está claro! Sábado era só para reencontrar a minha amiga Tons de Azul, que veio de propósito do Algarve para o evento, e, de caminho, comprar o livro que a minha mãe me tinha pedido e que mentalmente anotei como presentinho para o Dia da Mãe. 

Magotes de gente em fila de espera por um autógrafo de José Luís Peixoto ou Mia Couto (entre outros que nem vislumbrei, atrás daquela onda humana), a menina algarvia foi dar a sua volta pelos stands e eu ia só passar para abraçar a Alice Vieira, antes de voltar a casa. Mas palavra puxa palavra, com ela e outras amigas, fui ficando até ao entardecer...

Day after - depois de um magnífico almoço de favas com chouriço a comemorar o dia da Mãe, em família - lá rumei novamente para a Feira, para o que se supunha ser a apresentação do mais recente livro do Rafeiro Perfumado. Afinal, o "cartaz" era este:

Só coincidia o dia, porque de resto nem a hora marcada, nem a inexistente apresentação (decisão bizantina, à conta da crise?). Mas as expetativas não foram totalmente goradas, uma vez que o autor esteve lá a autografar até esgotar o stock, além da presença e dos "dois dedos de conversa" que se trocaram com outros bloguistas, nomeadamente Fatifer, Gata Verde, Vício e Cleo. É sempre um prazer rever "velhos" amigos virtuais (e não só)!

Este 3º round ainda deu para fotografar estes senhores em amena cavaqueira (não disse já que a Alice Vieira está lá sempre?), voltar à sessão de autógrafos anterior em fim de stock e para o aplauso final, quando o último exemplar foi comprado e devidamente autografado.

Ah, e agora dizem vocês: "quem corre por gosto não cansa." Mentira! Estou aqui com os meus pezinhos que nem posso, mas muito feliz por todos estes sucessos e (re)encontros...

36 comentários:

  1. Ou seja um fim de semana em cheio e muito feliz. E até S. Pedro ajudou não é verdade?
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  2. Assim sendo ontem percorremos caminhos semelhantes... mas não nos encontrámos :)... também com tanta gente que povoava a feira neste domingo seria difícil. Além do mais a minha visita foi mesmo rápida. Tinha hora marcada para regressar ao Algarve. Ainda assim absteci as prateleiras da minha estante por algum tempo :)

    ResponderEliminar
  3. o Vicio andava lá? não o vi...

    (gostei de te (re)ver!)

    ResponderEliminar
  4. Olhando lá para fora, nem acredito na sorte que tivemos. Pelos vistos ameaçar o São Pedro com pontapés na fruta resulta! Beijoca, Teté, e muito obrigado pelo teu apoio e presença!

    ResponderEliminar
  5. Da outra vez que escreveste sobre este tema, comentei que não estava para livros, mas a minha resposta não tinha nada a ver com a minha familiar portuguesa e a nossa briga sobre o Pingo Doce.

    Hoje li com grande prazer este teu artigo sobre a Feira do Livro em Lisboa e, gostei muito das tuas fotografias.

    Uma semana com boas leituras!!!

    PS: Deves estar contente com a victória do Hollande. Eu no fundo também estou, o que gosto é de contrair.

    ResponderEliminar
  6. Que agradável passeio cultural! : )
    Gostei de saber que houve multidão. Os escritores/autores merecem.
    Abraço

    ResponderEliminar
  7. A Alice Vieira está sempre lá? Parece que a um menina Teté também, que já vai no 3º round eheheh

    Eu não fui, queria ir hoje, mas...

    Bem que achei estranho o horário de apresentação do livro do Rafeiro, 15:30h parece-me bem melhor :p

    As melhoras dos teus pés e da carteira :)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  8. Ainda estive para ir, mas não deu mesmo, Teté. E depois, tenho cá imensa leitura atrasado. Tenho que me pór em dia antes de voltar a gastar dinheiro em livros que nem um desvairado. Além do que ainda me mete alguma confusão muita gente junta. Coisas... :)

    ResponderEliminar
  9. Ma chérie(sim, o Hollande merece...)boa reportagem sobre a Feira e belas fotos.

    Bisous.

    ResponderEliminar
  10. Quando estavas por essas bandas ia todos os anos passear à feira do livro. Para o ano a ver se consigo marcar uma ida à capital que coincida com a feira.

    Não sei porquê mas gosto bastante do Júlio Isidro.

    ResponderEliminar
  11. Ohhh, podias ter tirado uma foto ao Rafeiro:)
    Beijos e boa semana:)

    ResponderEliminar
  12. belos dias (favas incluídas), de fazer inveja :)

    ResponderEliminar
  13. E fizeste muito bem em martirizar os pezinhos calcorreando as margens do Parque Eduardo VII. Foi um regalo para a vista!
    A Feira do Livro é uma FESTA!

    ResponderEliminar
  14. Tantos rouds!
    O que mais me seduz são as favas. Vá lá saber-se porquê?!

    Que pena não estares lá quando eu lá estive; assim não tiveste o sublime prazer de me conheceres, o que seria uma experiência única à escala planetária, ainda que uma gata verde, um vício e uma cleo (chamada Lurdes) tenha minorado a falta.

    Beijokas escritas com sorrisos!

    ResponderEliminar
  15. Por acaso até o São Pedro ajudou, sim, ELVIRA! Sábado esteve assim meio encoberto, mas domingo foi soalheiro... :)

    Abraço!

    ResponderEliminar
  16. É verdade, LUISA, com tanta gente que lá andou (sábado e domingo), difícil mesmo era encontrar alguém, se não houvesse hora e local marcado! :)

    Mas pronto, ficará para uma próxima oportunidade! :D

    ResponderEliminar
  17. Andava, sim, VÌCIO! Disfarçado, para não dar nas vistas... :))

    Igualmente! :D

    ResponderEliminar
  18. Eheheh, mas se calhar é melhor não ameaçar muito o São Pedro, RAUF, não vá ele vingar-se para a próxima! =))

    Beijocas (e o prazer foi meu)!

    ResponderEliminar
  19. Passei para agradecer o reparo deixado lá no Sexta. É claro que me referia a Ilse Losa. O erro foi mesmo gralha.
    Obrigada mais uma vez.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  20. Pois, há dias que estamos com a cabeça cheia com outras coisas, não nos apetece muito falar sobre livros ou filmes, EMATEJOCA! Acontece a todos... :)

    E sim, estou a ler um livro que estou a gostar muito, estes (que comprei na feira) lerei de seguida! :D

    Suponho que ainda é cedo para deitar foguetes, mas para já a vitória de Hollande parece-me um bom sinal! Pelo menos dita o fim daquela dupla Merkozy, o que já não é mau de todo! :))

    Boas leituras para ti também!

    ResponderEliminar
  21. Houve multidão, sim, e nos dois dias, CATARINA! E segundo ouvi dizer por lá, os livreiros este ano não se têm queixado da crise, com mais afluência e com mais compras! Vamos ver, que falta ainda uma semana para terminar... :)

    Abraço!

    ResponderEliminar
  22. Os rounds ainda não acabaram, MARIA, mas as postagens sobre eles sim! Não vá a malta sair daqui espavorida, com o "lá vem esta chata outra vez com a Feira do Livro..." :))

    15h30m minutos não foi horário melhor, sobretudo no dia da Mãe... :D

    Os meus pés agradecem a tua preocupação, a carteira não se queixou muito, para já, que aí não exagerei muito... ;)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  23. Diga-se em abono da verdade que não desvairei com a compra de livros, VIC! Cá em casa todos temos a mania de comer todos os dias, incluindo no fim do mês... ;)

    E sim, estava mesmo muita gente, em ambos os dias! Talvez para o ano nos encontremos por lá... :)

    ResponderEliminar
  24. E sobretudo foram duas tardes bem passadas, entre amigos, SÃO! :)

    Bisous, em aprovação a Hollande! :D

    ResponderEliminar
  25. O Júlio Isidro é um grande comunicador, que abriu a porta da televisão a muitos novos talentos, sobretudo da música, FAUSTO! Pena que por vezes as pessoas tendam a esquecer-se disso, incluindo alguns a quem ele deu a mão... ;)

    Pois, quanto à Feira, só vale a pena a quem viva relativamente perto, porque senão o dinheiro poupado nos livros é gasto na viagem! :))

    ResponderEliminar
  26. E tirei, CONCHITA! Várias, até, que pus no meu facebook e no dele! Mas aqui não ponho fotos minhas nem dos restantes bloguistas, que podem não gostar! :)

    Beijocas e boa semana!

    ResponderEliminar
  27. Pois foram belas tardes, MOYLITO, e as favas estavam uma delícia! Mas não era intenção fazer inveja... :))

    ResponderEliminar
  28. É isso mesmo, KIM, a Feira do Livro é mesmo uma festa! Também nos desencontrámos por lá, o que não é de admirar, com aquele mar de gente... :))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  29. Eheheh, provavelmente porque também és fã de favas, KOK! :D

    Não nos encontrámos por um triz, certamente, mas ficará para uma próxima oportunidade! Mas não admira, que nem encontrei pessoas que conheço, quanto mais as que nunca vi ao vivo - a multidão impedia... :))

    Beijocas sorridentes para ti! :)

    ResponderEliminar
  30. De nada, ELVIRA! Erros e falhas dessas todos temos, também agradeço que me chamem a atenção, quando os cometo... :)

    Abraço!

    ResponderEliminar
  31. Espero ir lá finalmente amanhã...
    Fiquei com a pulga atrás da orelha por causa do seu almoço no Dia da Mãe. É que também quis comer favas, mas não as havia...

    ResponderEliminar
  32. Belo "post", Teté! Obrigada.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  33. E ainda vai muito a tempo, CARLOS BARBOSA DE OLIVEIRA! Também devo lá passar na "Happy Hour"... :))

    As favas, foram compradas na praça... :D

    ResponderEliminar
  34. Obrigada e beijocas, GRAÇA! :))

    ResponderEliminar
  35. Ainda bem que não choveu. Gostei da feira e de ter estado contigo, mas não fiz grandes compras. Para casa trouxe apenas um livro e foi mesmo um do James Joyce. ;)

    ResponderEliminar
  36. Depois diz-me o que achaste do livro de Joyce, TONS DE AZUL, que eu desde que tentei ler "Ulysses" (sem conseguir) não voltei a pegar noutro livro dele! ;)

    Também gostei de te rever! :)

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)