domingo, 20 de janeiro de 2013

DECISÃO DE RISCO

Whip Whitaker (Denzel Washington) é o piloto do avião que ao realizar um voo doméstico entre duas cidades norte-americanas, previsivelmente curto e sem problemas, se depara com uma forte turbulência inicial e, quando tudo parece resolvido, graves avarias técnicas no aparelho determinam uma aterragem de emergência num terreno rural. O experiente piloto consegue inverter a posição do avião para o estabilizar, quando caía a pique, e com essa decisão de risco salvar a vida de 96 das 102 pessoas a bordo. Uma das vítimas do acidente é Katerina Marquez (Nadine Velasquez), hospedeira de bordo, com quem passou uma noite desbragada na véspera, com álcool, drogas e sexo.

No hospital, a recompor-se de algumas escoriações na sequência do acidente, é informado por um amigo do sindicato dos pilotos aéreos (Bruce Greenwood) que vai ser aberto um inquérito, como é comum nestes casos, e quase em simultâneo encontra Nicole (Kelly Reilly), uma jovem toxicodependente que está a recuperar de uma overdose. Mas será que a reputação de herói resiste, quando descobrirem que ele apresentava vestígios de álcool e drogas no sangue? O sindicato contrata o advogado Hugh Lang (Don Cheadle) para o defender...

Eis o trailer:


Realizado por Robert Zemekis, segundo argumento original de John Gatins, este drama  obtém a pontuação de 7.4/10, na IMDb. Por sua vez, John Gatins e Denzel Washington são os únicos dois candidatos na corrida aos Oscar neste filme. E se em relação ao último não restam dúvidas que é merecido, no que concerne ao primeiro já será mais controverso: argumento mais que previsível, imbuído daquele moralismo tipicamente americano. Ou seja, a exibição ainda vai a meio e já adivinhamos como vai acabar...

De realçar também o naipe de atores secundários, onde John Goodman também se destaca, a par de um outro que me escapa o nome, no breve papel de doente cancerígeno, que não prescinde da sua cigarrada fugidia, num vão de escada. 

Em suma: se sem ovos não se fazem omeletes, sem argumentos (realmente) criativos e originais dificilmente qualquer filme passa da mediania, por muitos bons atores que exiba em cartaz! 


Imagem de cena do filme, da net.

22 comentários:

  1. Estava eu - e numerosas pessoas sentadas na sala à esperoa do início do filme - quamdo uma funcionária com ar muito compungido apareceu para fazer um discurso de que não ouvi uma ínica palavra, dado o meu problema de audição e recusa de usar já prótese - dado que é uma surdez progressiva. Mas como deduzi e se confirmou o filme não foi exibido. Pelo que fui ver "Os MIseráveis" e vi o anúncio deste.


    DEnzel W. é um excelente actor, Goodman também me agrada assim como0 o actor que desempenha o advogado do piloto. Portanto, continua na calha para ir ver.

    Outro que quero ver é "Django Libertado" : admiro muito C. Waltz e Samual JacKson.

    Bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já aconteceu com um amigo meu, que se preparava para ver um filme, avisarem-no que afinal a máquina de projeção estava avariada, portanto naquela sessão não havia exibição, SÃO! ;)

      Mas sabes que isto de filmes, quando a expetativa é grande (também sou fã de Denzel) por vezes ficamos desiludidos... "Os Miseráveis" como não tenho grande expetativa, se calhar até me agrada mais do que espero. Enfim, ainda vou ver! :D

      Lamento essa surdez progressiva e espero que de alguma forma consigas minorá-la!

      Boa semana, já que o domingo está a chegar ao fim... ;)

      Eliminar
  2. Ainda não vi este filme. Não tenho bem a certeza se o quero ver. Vou pensar! : )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não é muito aconselhável para quem detesta andar de avião, CATARINA! Não porque se exceda no acidente em si, mas porque esses momentos são particularmente intensos... ;)

      Eliminar
  3. Curiosamente já tinha dito à jove "ná, este filme é para ver em casa". Beijoca!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E acertaste na 'mouche', RAUF! :)

      Eliminar
  4. É um género de filmes de que gosto, apesar do que dizes sobre a previsibilidade do desfecho e de alguns desempenhos.
    Sabes que creio não ser muito corrente haver pilotos em "função de voo" como o deste caso, ainda sob efeito de álcool ou drogas ? ... Talvez por ter um familiar piloto e apreciar o seu cuidadoso comportamento nestes casos. Os controlos a que estão sujeitos são apertadíssimos e de graves consequências !
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim também não me parece nada uma situação vulgar, essa dos pilotos bêbados, RUI! Então mesmos os colegas de serviço não notavam? E em notando deixavam andar, como se a sua vida e a dos passageiros não tivesse mais importância que as folias do piloto? Enfim, há ali várias coisas que não "colam" no argumento, no meu entender... essa não é a única! ;)

      Mas o desempenho dos atores é bom, quanto a isso nada a criticar!

      Eliminar
    2. Os controlos são, de facto, rigorosos mas cheguei a ver alguns pilotos dirigirem-se para o bar assim que deixavam as malas no quarto do hotel. E por ali ficavam horas e horas...

      Eliminar
    3. Pois, CATARINA, mas isso é depois do voo... ;)

      Eliminar
  5. Não estava na minha lista e, depois de a ler, vai continuara ficar de fora. Hoje estou mais para "I'm singing in the rain" :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E pode cantar isso mesmo, que sempre condiz com o tempo, que o S. Pedro não tem sido nada parco nas chuvadas que nos tem enviado para cima, CARLOS! ;)

      Não é de todo um mau filme, mas diria que é bom para uma tarde de domingo televisivo, quando não houver mais nada a fazer... :)

      Eliminar
  6. O Denzel é um óptimo actor, mas o tema já é muito batido. Apesar de tudo, a emoção mexe comigo. Beijinho Teté

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo que Denzel é um excelente ator, KIM! E acredito que haja quem goste e muito, até por esse factor emocional! :)

      Beijocas!

      Eliminar
  7. Olá Teté! Eu adoro os filmes do Denzel Washington esse ainda não assistir é uma ótima dica. Tenha uma boa semana!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também sou fã do ator, SANDRA, que cá para mim é quem salva o filme de uma grande desaire!

      Boa semana! :D

      Eliminar
  8. Sem dúvida, Teté - mesmo que os actores sejam excelente, se o argumento é uma m#$%^&, o filme não se safa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que temos a mesma opinião, PEDRO COIMBRA! :)

      Eliminar
  9. É um filme que posso ver mas não no cinema :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É capaz de ser boa ideia, POPPY, já que há tantos e bons filmes em cartaz! :)

      Beijocas!

      Eliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)