segunda-feira, 15 de abril de 2013

UMA VILA PORTUGUESA...

... com certeza! Onde não falta um coreto,

ruelas com roupa estendida no varais, 

um pelourinho,

um ilustre antepassado ali nascido,

a par de uma igreja com vários séculos de existência, entre tantos outros motivos de interesse. Numa tarde de domingo em que o povo saiu à rua, aproveitando os almejados raios de Sol primaveril. Um passeio muito agradável, sem dúvida! Onde? Com tantas pistas, é bem fácil descobrir...

As fotos são minhas e (ainda) não estão na net, mas encontram lá algumas muito semelhantes.

ADENDA a 16 de abril de 2013: Como quase todos "adivinharam", trata-se de Alcochete, vila junto ao estuário do Tejo, onde nasceu o rei D. Manuel I (a 1 de Junho de 1469) e onde está instalada a Igreja Matriz de São João Baptista, construída no século XV, e classificada como monumento nacional desde 1910. E o miradouro Amália Rodrigues? Pois cá está ele:

Obrigada a todos pela participação!

34 comentários:

  1. Desta vez encontraste mesmo o caminho, rrrsss

    Faltou o padre Cruz e o miradouro Amália Rodrigues, rrss

    Boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois encontrei, SÃO! :)))

      Também estive no miradouro, o padre é que não "vi" por lá! :)

      Boa semana para ti também!

      Eliminar
    2. De costas para a igreja que aqui tens, do teu lado esquerdo está a Fundação João Gonçalves Júnior ( uma das IPSSs que eu supervisionei durante muitosss anos) e em frente tens uma praceta com a estátua, geralmente com muitas flores.

      Espero que tenhas almoçado bem, pois existem bons restaurantes, rrss

      Dorme bem

      Eliminar
    3. Olha, deve-me ter escapado, SÃO, que vi várias estátuas mas do pare não. Ou então não reparei. Mas obrigada pela indicação!

      Infelizmente, não almocei por ali, ficará para um próxima, mas aí peço-te uma dica dos bons restaurantes locais! :D

      Sweet dreams!

      Eliminar
  2. Olá, parabéns pelo blog!
    Belas imagens. Como é o nome do lugar?
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vindo, MORGAN! :)

      É Alcochete, uma vila à beira do estuário do rio Tejo!

      Lá passarei para um visitinha!

      Eliminar
  3. Rima com alfinete?
    Se acertar faço uma festa!!!
    xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa, adoro festas, PAPOILA! Estou convidada?!? :)))

      Claro que é a rima certa! :D

      xxx

      Eliminar
    2. Finalmente, acertei!!! Estou em festa é só apareceres :))
      Estou um pouco mais animada para "concorrer" as estes desafios.
      xx

      Eliminar
    3. PAPOILA, ainda há pouco tempo "limpaste" as séries todas televisivas, não percebo qual era a dúvida em acertar... E dessa vez foste a única, parece-me! :)))

      Festejemos, portanto, que todos os motivos são bons! :)

      xxx

      Eliminar
  4. Que bonito lugar!
    O meu avô tê-lo-ia adorado em dias de festa (coretos e touradas eram a sua loucura!:))
    bji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O local é mesmo bonito, já aqui referi que uma amiga dizia que era "a Côte d'Azur portuguesa", NINA! :)

      Beijocas!

      Eliminar
    2. Anónimo4/16/2013

      Mencionei as touradas porque não faltam em Alcochete:))
      Nina

      beijocas

      Eliminar
    3. Bem sei, NINA, mas esse é o aspeto que menos me agrada na vila, já que detesto touradas... ;)

      Beijocas!

      Eliminar
  5. A vida muitas vezes é curta, mas mesmo assim seu caminho é longo.
    Nela aprendemos a sorrir, chorar, amar, sofrer e a renascer,
    para amanhecer e termos um lindo dia.
    Seja Feliz Sempre!
    Acredite no Tempo, na Amizade,
    na Sabedoria e, principalmente no Amor.
    E acima de tudo não perca a fé,
    e certeza de que Deus existe e é seu amigo sempre.
    Uma semana de muita paz .
    Beijos no coração meu eterno carinho,Evanir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muita paz e tudo de bom para ti também, EVANIR! :)

      Beijocas

      Eliminar
  6. A igreja é de S. João, a imagem do pelourinho é muito semelhante a uma que está na net...e já alguém falou em rima! :-))

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sabia que (quase) todos iam adivinhar, ROSA! Ainda há pouco tempo falei do local. E sim, claro que é a Igreja Matriz de São João Baptista! :)

      Abraço!

      Eliminar
  7. Pois é, Teté!
    Eu não vou muito para esses lados, mas com tantas dicas será que é aquela Vila onde sem temer uma colhida se arrisca a vida com altivez...? :))
    E parece que tem lá um certo free...lol.

    E rima...rima!! Com col*****, também!


    Beijoca grande e boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, JANITA, acertaste em cheio! Ao free não fui, só passei lá à porta! :)))

      Também rima com colchete, pois claro. Quase que dá uma caixa de costura, com os alfinetes... :D

      Beijocas e boa semana também para ti!

      Eliminar
  8. Há um rio ao fundo da ruela ! :))
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, RUI, só não evidenciei o rio porque seria óbvio demais! :)))

      Eliminar
  9. Como habitualmente, estou perdido! será desta que vou arranjar um GPS? :-)
    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta não era para perder ninguém, CARLOS, quando muito os amigos do Brasil... E não, não precisa GPS para lá chegar! :)))

      Beijocas e boa semana!

      Eliminar
  10. Pelas dicas já percebi. E o nome parece que tem origem árabe...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, LUISA, os historiadores acreditam que sim! :)

      Eliminar
  11. Atão, mas é claro que sabemos onde é, foi por causa desta vila que foste parar ao castelo de Palmela (assobiando) ehehheeh

    Linda esta vila :)))

    Beijinho :)

    *volteiiiiiii...ficaste com medo? :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois foi, MARIA, da outra vez fomos parar a Palmela, mas desta vez acertámos no caminho e sem GPS!!! :)))

      Também acho que é lindíssima, pena o rio estar tão barrento, suponho que devido a tanta chuvadas... :)

      Beijocas!

      § - não fiquei nada com medo, estava a pensar perguntar-te se as tuas festas são como as dos ciganos, que em vez de um dia são uma semana... (assobiando) :D

      Eliminar
  12. Diz-se que os nomes que começam por Al tem origem moura! Cochete é outra estória!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. TANO, diz a wikipédia que os historiadores acreditam que o nome da vila tenha essa origem, Al caxete (que significaria forno), mas simultaneamente existem vestígios desde o tempo em que os romanos invadiram a Península Ibérica... :)

      Enfim, que a vila é muito antiga... é certo! :D

      Eliminar
  13. Não conheço Alcochete. Não adivinharia.
    Que coincidência, conheço alguém – um dos meus tesouros – que foi passear a Alcochete ontem, domingo! : )
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Coincidência ou não, a minha irmã também andou a passear por lá, sem termos combinado nem nada, CATARINA! Mas não a vi... :)

      Realmente, há coincidências estranhas, que dificilmente se explicam! :D

      Abraço

      Eliminar
  14. Esqueci-me de dizer que gostei muito das fotografias! Grande máquina e grande fotógrafa. A primeira foto está muito colorida. Giríssima.
    Tb quero ir a Alcochete! : )
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A máquina ainda anda nas primeiras experiências, CATARINA, a fotógrafa vai disparando na esperança que algumas fotos saiam boas... :)

      Vale a pena visitar!

      Abraço!

      Eliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)