quarta-feira, 14 de Dezembro de 2011

O GATO DAS BOTAS

Claro que, como é habitual na DreamWorks, o argumento destes desenhos animados não tem nada a ver com o conto infantil de Charles Perrault. A personagem central é um gato e tem botas, é igualmente astuto, mas a semelhança acaba por aqui.

O gato é recolhido em pequenino por Imelda - uma mulher que cuida de uma instituição de rapazes orfãos ou abandonados - onde encontra Humpty Dumpty, de quem se torna grande amigo. Os dois passam por várias peripécias juntos na juventude, mas enquanto o gato aventureiro e destemido começa a ter noção do que é justo, o amigo, ganancioso, só pensa em roubar sem interessar a quem. E é num dos estratagemas deste último que ambos se tornam foragidos da lei, indo cada um para o seu lado! Anos mais tarde reencontram-se, na sua demanda pelos feijões mágicos, que lhes darão acesso ao castelo nas nuvens onde reside a gansa dos ovos de ouro. Como parceira dessas buscas surge a encantadora Kitty Patas Fofas...

Ah, pois é, a história também tem uns pozinhos de outro conto infantil - João Pé de Feijão! Sem ser nenhuma das duas, que este é só o começo destes divertidos desenhos animados. Fica o trailer, para quem o quiser espreitar:


Vi a versão dobrada em português, assegurada pelas vozes de Paulo Oom, João Cabral e Soraia Chaves nos principais papéis, na direção de Cláudia Cadima. Excelente! Embora, como é óbvio, não duvide que o gato Antonio Banderas, o Humpty Dumpty Zack Galifianakis ou a Kitty Salma Hayek também vão lindamente! Estes últimos têm a desvantagem de não serem acompanhados pelos putos mais pequenos, que ainda não sabem ou têm dificuldade em ler as legendas.

Muito bom e imperdível, para todos os amantes de desenhos animados! (e um leve "sacrifício", para quem vai ao cinema com filhos, sobrinhos ou netos...)

Imagem de cena do filme da net.

20 comentários:

  1. miau!
    eu recuso-me a ir ao cinema com os meus netos por causa desse sacrificio...

    ResponderEliminar
  2. eu vi uma reportagem sobre a dobragem e coisa até me levantou as orelhas mas como isto está complicado para ir ao cinema, vou esperar para ver noutros suportes :)

    ResponderEliminar
  3. Cheguei agora a casa e dei uma espreitadela nos comentário e, fartei-me de rir com o teu.

    Mas agora vamos ao principal:

    A Ema quer que eu vai com ela ver este filme. Ela sabe que este gato não tem nada a ver com o conto infantil de Charles Perrault, mas é sim, uma personagem do filme "Shrek", do qual ela tem o DVD.
    Em resumo: pensas que posso levar uma miúda de quase 5 anos (aniversário no próximo domingo)a ver este Gato das Botas?
    Uma amiga minha que foi com os filhos de uma amiga dela, dissse-me que o miúdo de oito anos estava cheio de medo, porque o filme era muito brutal.
    Por favor, Teté, dá-me a tua opinião sobre o assunto.

    ResponderEliminar
  4. oi fiz o post do meu amigo secreto confira no dihitt é esse mas o post lah no blog vou deixar os dois ai se comenta nos dois abraços clica para comentar no dihitt
    clica pra ver o poster completo no blog

    ResponderEliminar
  5. Sou um fã incondicional de desenhos animados, mas estou "altamente" afastado do grande ecrã.
    É caso para dizer que SOU O ELO MAIS FRACO!
    Beijinho Tété

    ResponderEliminar
  6. Admito que ele não era a minha personagem preferida do Shrek. E embora tenha gostado do Shrek 1 & 2 os outros não gostei tanto. Também ouvi dizer que o filme do Gato é engraçado mas nada de especial. Como tal acho que vou deixar para mais tarde ver em casa. Beijos.

    ResponderEliminar
  7. Ahahah, pois, VÍCIO! Miau... :))

    ResponderEliminar
  8. Pois está, MOYLITO, para ti e para todos! Acontece que ainda tenho bilhetes de cinema à borla... :D

    Como também a parte do 3D não me interessa por aí além, acho que não vais perder muito em ver em DVD ou na TV! :)

    ResponderEliminar
  9. Olha, EMATEJOCA, para ser sincera, suponho que cada miúdo tem a sua própria sensibilidade, é impossível generalizar. E quase todos os desenhos animados têm a sua dose de violência, depende de como eles a entendem e os adultos as fazem entender: para todos os efeitos, são só bonecos! O filme, aqui, está classificado para maiores de 6 anos! :)

    ResponderEliminar
  10. Não percebi patavina dessa converseta toda, cheira-me que vieste aqui parar em spam, PAZ COM DEUS! Que mau! :P

    ResponderEliminar
  11. É caso para dizer que és o elo mais fraco em termos de idas ao cinema, KIM?! Então, olha, não percas quando derem na TV... :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  12. Penso que tem tudo o que um desenho animado deve ter, PSIMENTO: é divertido, tem ação e uma animação engraçada! Agora, como é lógico, é filme para miúdos (embora os adultos também gostem), não é filme para vir para casa remoer porque é que aquela cena foi assim ou assado, qual o intuito do realizador, etc. e tal! :))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  13. Concordo que cada crianca ou até nós (adultos) temos a nossa própria sensibilidade, mas caso, a sua dose de violência não exceda os limites, penso satisfazer o desejo da Ema.
    O filme, aqui, também está classificado para maiores de 6 anos, mas ela no próximo domingo já faz 5 anos e é altíssima, portanto penso que a deixam entrar.

    Agora vou cheirar as belíssimas flores.

    ResponderEliminar
  14. Anónimo12/15/2011

    o actor que faz o Gato das Botas chama-se Paulo!

    ResponderEliminar
  15. Acaba de me dar uma grande novidade, Teté. Pensava que o filme era mesmo sobre o conto de Perrault. Assim, como adoro desenhos animados, vou pôr na lista.Obrigado

    ResponderEliminar
  16. Também quero ver mas em casa :)

    ResponderEliminar
  17. Pois, EMATEJOCA, se ela estiver a ficar muito impressionada podes sempre sair do cinema. Aconteceu-me uma vez como meu filho, mais crescidinho, mas não foi em desenhos animados, mas sim no "Senhor dos Anéis"... ;)

    Aqui deixam sempre entrar, desde que acompanhados por um adulto. É o que acham aconselhável, só isso! :)

    ResponderEliminar
  18. Tens razão, ANÒNIMO, trata-se de um lapso meu. Vou emendar! Obrigada! :)

    ResponderEliminar
  19. Pois, CARLOS BARBOSA DE OLIVEIRA, no Tintin ainda é assim uma mistura de duas histórias, aqui nem isso... :))

    ResponderEliminar
  20. Olha, à velocidade que os filmes passam para DVD, já não faltará muito, LOPESCA... :D

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)