sexta-feira, 30 de maio de 2008

CANTO DO CYSNE


Foto de Ian Britton.

Sem pretender voltar ao tema do "maldito" acordo ortográfico, sem conseguir identificar onde li ou ouvi esta história, acabei por resolver partilhá-la convosco:

Após um decreto que alterava as regras de ortografia da nossa língua (o de 1911, calculo), consta que Fernando Pessoa o acatou, ressalvando uma única excepção: "Mas vou continuar a escrever cysne, com Y, porque condiz mais com a elegância da ave."

A propósito, para quem quiser conhecer a lenda d'o Canto do Cysne, deixo aqui o magnífico poema de António Feijó (1859-1917). Mas prompto (oops... pronto!), não me batam se não perceberem qualquer coisinha, OK? (xi, e o K pode utilizar-se, só por ser uma abreviatura anglo-saxónica?)

BOM FIM DE SEMANA PARA TODOS!

22 comentários:

  1. Para ti também cara. Vou ler o poema.

    ResponderEliminar
  2. Encantadoramente épico mulher. Obrigado.

    ResponderEliminar
  3. É, não é, VIOLETO?

    A ti desejo-te também um fim de semana muito saudável! :)))

    ResponderEliminar
  4. visto que o canto do cysne não tem som... tira-me uma duvida!
    o cysne canta em que tom? fá maior?

    ResponderEliminar
  5. Bom fim de semana para ti também, Teté!

    ResponderEliminar
  6. Realmente ave tão majestosa só pode levar y no nome, ora toma..ele tinha razão, ou carradas de razão...
    O poema vou ler e ando á procura dele, ehhh deve ser do meu olho que anda deslocado ehhhhhh.
    Beijinhos para ti nina linda da , laura..

    ResponderEliminar
  7. Lindo, espectacular.....
    Mas vou fazer como tu vou continuar a escrever como aprendi e depois vamos indo e vendo...

    Tété xingange é um feiticeiro.

    Beijokitas e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  8. Não conhecia este episódio do meu adorado Fernando Pessoa. Mas é a cara dele...

    Beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  9. Obrigada por me teres feito lembrar desta maravilha! :)
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. e eu que não o sei nada sobre o novo acordo...
    bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Ui, VíCIO, perguntas bem, mas não te sei responder...

    Igualmente para ti, CAPITÃO!

    LAURINHA, aquele homem tinha sempre razão, era um iluminado... para a época!
    Mas cysne fica melhor mesmo do que cisne, né???
    Jinhos, nina!

    É lindo, não é, PARISIENSE?
    Mas como era um bocadito comprido, coloquei em link!
    Ah, já li a explicação mais detalhada lá no teu cantinho sobre o "feiticeiro"...
    Jinhos, nina!

    ResponderEliminar
  12. É, acreditei na história, porque também me parece a cara dele, SAFIRITA! ;)
    Beijocas!

    INÊS, para ser sincera não conhecia o poema, encontrei-o na pesquisa da palavra cysne e fiquei fascinada!
    Jinhos!

    Ah, não te preocupes com o acordo, que não vale muito a pena, JASMIM! Afinal de contas vamos continuar a escrever como sabemos, não é?
    Eu li-o (ia ficando com "os olhos em bico") e fiquei com imensas dúvidas.
    Se as palavras entrarem na escrita comum (e muitas já eram escritas assim por quase todos), depois logo nos adaptamos... :)
    Jinhos!

    ResponderEliminar
  13. Pessoa no seu melhor.Bem parece ser dele sim.Essa questão ortográfica,eu penso que é melhor escrevendo como sabe e aos poucos mudamos.Afinal,o mundo não foi feito em um só dia,pois não?
    Gosto de "cisne" e de "cysne" e tudo é lindo!
    ;)
    Bom final de semana.Beijo e cheiro!

    ResponderEliminar
  14. Teté

    Achei lindo o poema do Cysne, não conhecia, acho aliás que vou fazer como o Pessoa e escrever o Canto do Cysne, com y...

    mas quanto ao acordo, acho que é much ado about nothing com alguma política à mistura e um pouco de sentimento de "nós é que somos" que é um bocado ridiculo e nos fica mal. Está-se a fazer um péssimo serviço à CPLP... e por motivos nem sempre "honestos".

    Enfim, e vejo uma série de pessoas que não estava à espera embarcar nesta onda de aparente indignação que varre o País. será que leram todos o acordo?

    beijinhos, bom fim de semana

    ResponderEliminar
  15. E o xi é uma abreviatura de quê?
    ;o)

    Bom fds para ti também!

    ResponderEliminar
  16. Ora, KÁTIA, é evidente que a malta se vai habituando, à medida que essas alterações comecem a entrar no dia a dia de todos nós.

    E se calhar algumas não, e no próximo que vier, têm de alterar doutra forma... :)))

    Beijocas, nina soteropolitana (acho piada a esta palavra, que aprendi contigo, eh, eh, eh)!

    ResponderEliminar
  17. Concordo absolutamente contigo, LEONOR!

    Tanto no aproveitamento político, como que nos fica mal essa do "nós é que somos" e na desonestidade de embandeirar em arco - tipo "Maria vai com as outras" - sem sequer se darem ao trabalho de o ler...

    Meia dúzia de regras de ortografia a dar tanto chinfrim??? Porquê, se há por aí tanta gente que nem consegue escrever duas frases seguidas sem dar erros ortográficos, daqueles de pôr os cabelos em pé?

    Ah, e aqui nem sequer estou a falar de pessoas que não tiveram oportunidade de estudar - licenciados em várias áreas, novos, velhos e de meia idade, sem excepção!

    Um erro, todos damos de vez em quando! E de repente ficam todos muito preocupados??? Cheira a esturro, mesmo!!!

    Xi e já me alonguei... :)))

    Jinhos!

    ResponderEliminar
  18. Xi, SORRISOS EM ALTA, uso assim umas quantas calinadas da linguagem falada... algum calão... um ou outro palavrão!

    O português puro e vernáculo, às vezes, é mais difícil de entender do que o linguajar comum...

    ;o)

    ResponderEliminar
  19. Piada? Hahaha!

    O "soteropolitana" é pelo fato de ser nascida na capital: Salvador(eu faço questão de enfatizar isso,não sei o porquê,e talvez até saiba He,he,he)e não no interior:Bahia.Pois,toda gente acha que quem nasce em "Salvador" é bahiano(a)!...ora,ora...mas...isso é uma outra discussão.e ,também gosto de instigar ...Hahaha.
    :))))

    ResponderEliminar
  20. Ah, KÁTIA, mas na verdade eu fui verificar ao dicionário o que é que significava soteropolitano... :)))

    Então um dia contas que discussão é essa, né?

    Jinhos a ti, nina soteropolitana! :)

    ResponderEliminar
  21. ja em 1911 andavam a briga com a ortografia... parece-me que a ortografia acaba sempre por ganhar :(

    ResponderEliminar
  22. A ortografia não perde, nem ganha, FAUSTO!

    As pessoas é que brigam. Por causa de regras gramaticais de ortografia?! :)))

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)