terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

EXPULSA DO CONVENTO!

Maria Jesús Galán não era uma freira como outra qualquer: quando lhe pediram para organizar o arquivo da biblioteca do convento, achou que a tarefa seria mais fácil com um computador. Deram-lho e ela concretizou o pedido em tempo tão útil que até recebeu um prémio de mérito das entidades regionais. O que não agradou nada lá às restantes freiras de Santo Domingo, em Toledo - Espanha, pois passou a ser conhecida como "Irmã Internet" por também ter aderido ao Facebook, onde encontrou centenas de amigos. Nem à hierarquia eclesiástica de Toledo, que resolveu expulsá-la ao fim de 35 anos de serviços em nome da Igreja. Explicações? Nenhuma!
Assim, aos 54 anos regressou a casa da mãe, anda à procura de emprego compatível para as suas qualificações e... multiplicou os seus amigos internautas de centenas para milhares! Segundo consta, afirma que não está especialmente preocupada: "Nasci feliz, vivo feliz e morrerei feliz!"  E está disposta a viajar e conhecer o mundo...
Acho graça a estas invejas conventuais, que trocam o mel com o fel nos ingredientes da doçaria. Coisa para Gordon Ramsay esganar alguém. A Igreja Católica não precisa, determinada em dar tiros no próprio pé ou... em suicidar-se!

Imagem da net.

16 comentários:

  1. Maria Jesús Galán, la "Sor Internet", já é mais conhecida que o Papa! ~xo

    ResponderEliminar
  2. Pois é, PAULOFSKI, aquela "maluca" com a mania de arquivar ficheiros em computador... Que tédio! ~xo

    ResponderEliminar
  3. não se podia esperar outra coisa!
    mostrou inteligência e foi expulsa da vida religiosa...:e

    ResponderEliminar
  4. Tens razão, VÌCIO: ela (e o seu computador) devia ser tão maquiavélica, que a piedosa entidade católica não encontrou outro meio de a castigar pelos seus pecados... :e

    ResponderEliminar
  5. Como ela própria afirmou, saiu a ganhar. Vai visitar Londres e New York que desejava muito conhecer.
    Mas o que achei mesmo piada, foi ao facto de a primeira coisa que fez depois de ser expulsa, ter sido dirigir-se ao centro de emprego. Notável...

    ResponderEliminar
  6. Uma vergonha de bradar aos céus (ou aos infernos) ! :))
    A freira pecaminosa que utiliza um computador e "conversa" com outras pessoas! ... mas que grandessíssimo pecado mortal ! (suponho que não consta dos Mandamentos) :((
    A Igreja está, passo a passo, a cavar a sua sepultura !
    .

    ResponderEliminar
  7. Já era tempo da Igreja Católica se modernizar. Afinal, parece que está a regredir.

    ResponderEliminar
  8. assim é que é. publicidade desta não se paga. e ainda há quem diga que o facebook não serve para nada...

    ResponderEliminar
  9. Já tinha lido esta notícia no blogue do Carlos, e o seu comentário lá em cima, podia ser o meu.
    A grande oportunidade da vida dela, foi ter sido expulsa do covento. Já não é nova, portanto deve aproveitar o tempo e gozar a vida.
    Que pena, que também não me expulsem cá de casa para dar um salto até Nova Iorque!!! O mal é, que eu nunca entrei no Facebook.
    Quanto às freirinhas invejosas; a inveja está em todo o lado, dentro e fora dos conventos.

    ResponderEliminar
  10. È cada pontapé...olha da maneira que eu ando....é melhor nem fazer mais comentários...:):)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Bom, pessoalmente também acho que ela saiu a ganhar, CARLOS BARBOSA DE OLIVEIRA, não sabia é que ela próprio o considerava. E também achei piada ao espírito prático de ir logo ao Centro de Emprego... :)

    ResponderEliminar
  12. Por acaso eles deviam ter vergonha destes comportamentos mesquinhos, RUI, mas não sei porquê, não creio: acham que estão sempre cobertos de razão! Mesmo quando não a têm... ;x

    E sim, não me consta que "conversar" pelo computador seja pecado, mas eles estão a aprontar-se para que seja... :-w

    ResponderEliminar
  13. É isso que também acho, SONHADORA, mas parece que eles não querem ver... ;)

    ResponderEliminar
  14. Olha, pelo menos para dar a conhecer este caso da ex-freira, até deu, MOYLITO! E a reclamação da outra do telemóvel. E... e... e... ainda servirá para muito mais! :))

    ResponderEliminar
  15. Curioso, não me lembro de ter lido nada no Carlos sobre este assunto. Mas pode ser que me tenha escapado, EMATEJOCA! Mas sim, como diz o povo "há males que vêm por bem"! Na volta foi a sorte dela, em vez de lá ficar a aturar as invejosas das irmãs quenianas. :D

    E sim, Teresa, bem sei que inveja há em toda a aparte, mas esperamos sempre um pouco mais de quem se diz religioso, não é? ;)

    ResponderEliminar
  16. Pois é, PARISIENSE, são uns a seguir aos outros e, pior que tudo, aparentemente à toa, a ouvir o diz que disse e outras intrigalhadas. Da Igreja espera-se exemplos de rectidão, coerência e justiça! Mas pelos vistos, é melhor esperarmos sentados... :)

    Beijokitas!

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)