sexta-feira, 22 de julho de 2011

CITAÇÕES... EM ARCO-ÍRIS!

Uma amiga enviou-me um mail com um desafio literário e, satisfeita, pensei que seria boa ideia colocá-lo aqui no blogue. Quando respondi - através de uma citação era suposto adivinhar qual era o escritor e o livro, num estilo de teste americano - fiquei bastante desiludida com o resultado, mesmo tendo acertado em 6 das 10 questões. Uma por mero acaso e exclusão de partes, diga-se em abono da verdade. O teste era brasileiro, centrava-se essencialmente na literatura brasileira, embora surgissem outros escritores como Eça de Queiroz, Anne Frank ou Milan Kundera, por exemplo. Desisti da ideia, mas fiquei a matutar em como realizar um desafio deste género aqui. Há solução para isso, mas para já não resisto a uma brincadeira! Alguém se lembra quem são os autores destes livros, sobre os quais já escrevi no Quiproquó, através das citações?
"Tinha um trabalho de título pomposo, salário modesto, apropriações ilícitas e horário elástico: director de Informação da Rádio Pan-Americana. Consistia em recortar as notícias interessantes que apareciam nos jornais e maquilhá-las um pouco para que fossem lidas nos noticiários."  
"A Tia Julia e o Escrevedor", de Mario Vargas Llosa

 "[...] Ao meu lado sentou-se uma jove muito bem fornecida de glândulas mamárias (aquilo era no mínimo uma copa J), só que aquilo não lhe fez muito bem à saúde. Quando chegámos ao ponto mais alto, ainda as suas amigas cá estavam em baixo, e vice-versa, pelo que quando saiu de lá só faltou metê-las às costas. Tenho a certeza que se aquilo abanasse para os lados em vez de na vertical, ainda hoje me estavam a tentar reanimar, a mim e a mais uns quantos à volta dela..." 
"Are you ladrating to me?!?", de Rafeiro Perfumado
"E aquilo que mais o surpreendia era a indiferença com que os juízes, perante hematomas e equimoses, por vezes ferimentos profundos, decidiam o caso sem que passasse pela cabeça de algum fazer a simples pergunta: «Como é que isso lhe aconteceu?»"
"Mataram o Sidónio!", de Francisco Moita Flores
"Como podiam detestar tanto quem fazia aqueles fabulosos filmes de acção e escrevia os melhores livros policiais? Ó gentinha ignorante, rancorosa e invejosa. Então não eram os americanos os melhores amigos do mundo, sempre prontos a defender a democracia, mesmo que às custas de uns quantos bombardeamentos selectivos?"
"Jaime Bunda e a Morte do Americano", de Pepetela
"Suspeitou-se dos ciganos. Podia esperar-se tudo dos ciganos. Era do conhecimento geral que os ciganos faziam tapetes com pedaços de roupa velha, que utilizavam cabelos para encher almofadas e fabricavam bonequinhas com a pele e os dentes das suas vítimas. Um crime tão perverso apenas podia ser cometido pelos ciganos. Só que naquele momento não havia rasto de cigano numa distância de léguas em redor; fora em Dezembro que os ciganos haviam atravessado a região pela última vez."
"O Perfume", de Patrick Suskind
"A mãe pousou o livro nas mãos do filho. [...] Que mistério. O rapaz não conseguia imaginar um propósito para o objecto que suportava. Pensou em cheirá-lo, mas a porta do quintal estava aberta, entrava luz, havia muita vida lá fora. O rapaz tinha seis anos, fugiu-lhe a atenção, distraiu-se [...]"
"Livro", de José Luís Peixoto
"O professor contou que iniciara a moça do ônibus no sexo tântrico, no qual ele fora um pioneiro no estado, e a levara ao delírio várias vezes por dia. No fim de três dias surgira um desentendimento quanto a dinheiro, que a moça mal-agradecida insistia em receber apesar dos seus orgasmos múltiplos, enquanto a tia Loló ameaçava chamar a polícia, e o professor se vira obrigado a pagar e sair."
"Os Espiões", de Luis Fernando Verissimo
Mas pronto, enquanto vou espevitar os neurónios para outras bandas, espero que se...

DIVIRTAM!

ADENDA a 23 de Julho 2011 - respectivos autores e livros de cada uma das citações, a sublinhado; a NINA acertou em 6 e deu pistas aos restantes comentadores, o RAFEIRO PERFUMADO "desconfiou" da tal "francesa" (eheheh!), o RUI DA BICA acertou todas e, claro, o PAULOFSKI também conhecia o livro que faltava. Obrigada a todos pela participação!
 

32 comentários:

  1. Ora vamos lá ver, então. O que se conhece e o que se consegue saber através da pesquisa.
    O 1º é peruano e foi prémio nobel há bem pouco tempo;
    A 2ª tem nome francês masculino e escreve sobre a pré-história;
    O 3º é português e presidente da câmara;
    O 4ª é angolano, nascido em Benguela;
    O 5º é alemão. Este foi o único livro policial que li de uma só vez. Verdadeiramente impressionante. Eu que não aprecio literatura policial, neste caso rendi-me.
    O 6º é um escritor dramaturgo português, bem jovem.
    O 7º é brasileiro. Estudei-o na faculdade e já não leio nada seu desde essa altura.:)

    beijoquinhas

    ResponderEliminar
  2. P.S: diverti-me imenso, acredita!:))

    ResponderEliminar
  3. Não conheço nenhum, apesar da "francesa" me ser familiar...

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  4. Com a ajuda do google é fácil encontrar todas as respostas :v

    Conheço todos, só tenho o 4º e nunca li nenhum =))

    Foi giro este desafio ;)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  5. Teresa Hoffbauer7/22/2011

    Pois bem, a Nina já disse tudo!!!

    ResponderEliminar
  6. EMATEJOCA AZUL7/22/2011

    Tenho estado toda a manhã a tentar publicar um comentário, que acabei por reduzir à expressão mais simples como podes ler em cima.

    Só tenho problemas na caixa de comentários "seleccionar perfil"!!!

    ResponderEliminar
  7. Teresa Hoffbauer7/22/2011

    Pois bem, não desisto!!!

    Vou falar de todos os livros, mas um de cada vez, para não ficar tão chatiada, caso não ficar publicado o comentário.

    Há anos que guardo "Das Parfum" de Patrick Süskind na minha estante, mas até hoje ainda não o consegui ler, nem mesmo ver o filme.

    Se um dia o ler escrevo a minha opinião no EMATEJOCA AZUL!!!

    ResponderEliminar
  8. Vale a pena ler, Teresinha. Eu li-o num só dia. Prende de tal maneira, que é impossível deixá-lo. Mas, cuidado, se és demasiado sensível a coisas estranhas, não o leias.
    Eu sou-o, mas não o consegui largar.:)
    bji

    ResponderEliminar
  9. Anónimo7/22/2011

    Eu ia dizer que ia aproveitar o fim de semana para ler tudo masi pausadamente mas, inadvertidamente, li o comentário da Nina e cheguei à solução de 5. Falta-me descobrir quem é o alemão ( conheço muito pouco de literatura alemã) e o presidente de câmara.
    CBO

    ResponderEliminar
  10. Para ser sincero, não acertava uma sem pesquisar na minha “biblioteca” ! :)
    ... mas parece-me que os encontrei todos :
    1-É uma Júlia dum tipo que não verga.
    2-É um cão de outro cão cheirosinho n/ vizinho.
    3-É um em que mataram o tal dum tal das portas do sol.
    4-É um da bunda de um que joga à patela.
    5-É um que cheira bem dum tal Patrício.
    6-É um livro do Luis.
    7-É um “cusca” do filho do verdadeiríssimo.

    ResponderEliminar
  11. O 2º livro eu tenho e está ali a calçar a mesa da sala!

    ResponderEliminar
  12. NINA, quase, quase na mouche! :D

    Falhou o 2º, que é gajo e português! :))

    O 5º é realmente um policial muito original, diferente do habitual. Aliás, só se classifica de policial por ter lá uns assassínios pelo meio, porque de resto quase parece histórico... :)

    Quanto ao último, só li este livro dele. Com muita pena minha, que fiquei fã! Está na lista de compras, para uma próxima feira do livro ou livraria... Aliás, adorei todos os estes livros, note-se! :D

    Ainda bem que gostaste do desafio! E se a "grande enciclopédia" existe, é para tirar dúvidas do que não sabemos ou temos dúvidas, né? ~xf

    Jinhos para ti!

    ResponderEliminar
  13. Ahahah, RAFEIRITO, "a francesa" é-te familiar?! Porque será??? =))

    Mas pronto, aqui entre nós, não é francesa, mas um gaijo português... :D

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  14. Imagino que sim, MARIA! E todas estas frases já coloquei aqui no blogue, de modo que o Google vai repescá-las, se não as repescar de outros bloguistas ou internautas! :D

    Li dois de seguida do 4º, numas férias e fartei-me de rir. Experimenta ler! :))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  15. É verdade, a Nina acertou quase em cheio, EMATEJOCA! :D

    Quanto à caixa de comentários, tenho muita pena, mas não posso fazer nada. Sei que tu, o Carlos Barbosa de Oliveira e o Kim têm dificuldade nos comentários, mas não faço a menor ideia porquê!

    Estou com a Nina, "O Perfume" é um grande livro, também o li de uma penada! E não é um policial no verdadeiro sentido do termo... devias experimentar ler as primeiras páginas, depois logo vias se te agradava! :h

    (enfim, tem umas cenas um bocado nojentas para lá, para dizer o mínimo, daí nunca ter tido grande vontade de ver o filme - basta a "visualização" que a leitura dá!) :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  16. Concordo, NINA! Pelo menos dar uma folheadela nas primeiras páginas, a ver se desperta o interesse... :))

    Beijoca!

    ResponderEliminar
  17. A Nina acertou em todos, excepto no 2º, de modo que deu logo pistas a todos, CARLOS BARBOSA DE OLIVEIRA. Este livro do escritor alemão é mundialmente conhecido e até já deu filme (que não vi), certamente já ouviu falar nele.

    Quanto ao presidente de câmara, não são assim tantos os que escrevem livros de ficção. E embora não simpatize muito com a postura política e as causas que defende (a favor de touradas e assim), gosto da escrita dele... :)

    Mas já vou pôr as "soluções" no texto! :D

    ResponderEliminar
  18. Para isso é que serve a "grande biblioteca", RUI! E estas frases devem lá estar todas, até porque são citações que já pus aqui! :))

    E claro, faltava o segundo, o único que a Nina não acertou! Em cheio, portanto! :D

    Só ão sei se o gorduchinho jogava à patela, que não sei bem o que isso significa! ;)

    ResponderEliminar
  19. Ai, que mau, PAULOFSKI! Imagina que por acaso ele passa por este blogue e sabe disso? Já viste o desgosto? Queres ser responsável por depressões alheias,é? =))

    Além que livros, qualquer que eles sejam, não se tratam assim, OK? Ou tenho de ir aí dar um pontapé na roda da tua bicla?! :D

    ResponderEliminar
  20. Jogava à patela o Pep(a)tela (Pepetela) :)))
    Jogar à "patela" é uma espécie de jogo da malha. :))
    .

    ResponderEliminar
  21. Ora! E eu que pensava que tinha acertado nos 7. (adoro este número.:))
    Afinal a pesquisa, aliada à virose, também falha.:)
    bji gde

    ResponderEliminar
  22. Ah...mil desculpas ao Rafeiro, que me deve ter amaldiçoado quando o tratei por francesa.:))

    ResponderEliminar
  23. não acertava nem uma:( mesmo do perfume que, desta lista, foi o único que li. fraquinho... bom divertimento :)

    ResponderEliminar
  24. Eu não cheguei a tempo de jogar mas só conhecia o do Rafeiro e "O Perfume". Li ambos e gostei muito, mas ia ter uma péssima prestação neste desafio ehehehhe.
    Beijos

    ResponderEliminar
  25. Ah, OK, RUI, nem percebi que era uma espécie corruptela (é assim que se diz?) do nome do escritor... :))

    ResponderEliminar
  26. Mas estiveste muito próximo do todos em um, NINA! :D

    E as pesquisas às vezes também falham, por várias razões... :h

    Quanto ao Rafeiro, don't worry! Ele não te vai morder as canelas... :))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  27. Pois, não é muito fácil sem pesquisar, MOYLITO! :D

    Quanto ao livro do Patrick, já tivemos essa "discussão" num post antigo: gostei imenso... e tu não! :))

    ResponderEliminar
  28. Dois em um não seria mau de todo, PSIMENTO! :))

    Mas foi mais uma brincadeira que um desafio, que obviamente ninguém se lembra de todas as citações de um livro, só ficam as frases mais marcantes. Estas já tinha posto aqui... de modo que podiam ser pesquisadas no Google! :D

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  29. calma, calma... só não gostei do filme. o livro foi dos poucos que lil duas vezes. é provável, também, que tenha escrito de maneira a fazer parecer o contrário. é o mau hábito de submeter o comentário sem o ler primeiro :S

    ResponderEliminar
  30. Ah, mas o filme também não vi, MOYLITO! Mas do livro também nem todos gostam. Opiniões há sempre para todos os gostos... :))

    ResponderEliminar
  31. Não faz mal, LOPESCA, soubeste logo os resultados... :)

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)