domingo, 10 de agosto de 2014

O TEMPO NÃO PARA!

Este é um típico (pequeno) jardim lisboeta, onde um quiosque tradicional com esplanada se situa entre um lago com respetivo repuxo, um parque de diversões infantil e as mesas e os bancos apropriados para as tardes de cartada da terceira idade. Sabem como se chama?

JARDIM CONSTANTINO

*******

Na crista da onda está agora este jardim a que recentemente acoplaram uma "praia". Se assim se pode chamar a um pedaço de areia junto a um antigo lago... Onde?

JARDIM DO TOREL



"O tempo não para", na voz de Mariza, não tem muito a ver com o post em si, mas dado não conseguir ouvir músicas nos vídeos que são colocadas nos outros blogues, serve como experiência para ver se a oiço no meu. Com o YouTube não há problema, pelo que se alguém me souber explicar o porquê, eu agradeço!

ADENDA a 12 de Agosto de 2014: Os jardins já estão identificados, tanto com as respetivas legendas, como com alguns outros aspetos e pormenores de cada local, nas colagens seguintes: o primeiro é um jardim de bairro, o segundo é simultaneamente miradouro sobre a cidade e o rio; todos descobriram o segundo - já que a "praia" tem sido tão badalada - no primeiro o Rui Espírito Santo (como é habitual), a Rosa dos Ventos e o Kok  acertaram em cheio. Obrigada a todos pela participação! 

42 comentários:

  1. Respostas
    1. Nem esse link passou, RICARDO, que não consigo ouvir nada na blogosfera, só diretamente no youtube. Mas fui ouvir essa, que o Sérgio merece... :)

      Eliminar
  2. Não conheço nenhum desses jardins mas reconheço o segundo já que tem sido tão noticiado ultimamente. A música ouve-se lindamente. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, têm noticiado bastante, LUISA, e aqui a je, tal e qual mirone, quis bisbilhotar in loco! Ouves tu, que eu continuo sem conseguir... ;)

      Eliminar
  3. Esta praia parece que está a fazer muito sucesso pois há quem não tenha possibilidade de ir a uma das verdadeiras, o jardim também não conheço mas pelo que vejo é bem simpático.
    Xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Talvez não se note muito na foto, PAPOILA, mas era quase só criançada e adolescentes dentro de água. Com o chinfrim equivalente! :)

      xxx

      Eliminar
  4. Consultei o google. Não conheço a zona. Acho uma excelente ideia. E há um nadador-salvador. Agora convem que os utentes sejam pessoas conscientes e ajudem a manter o espaço limpo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A água não me pareceu muito limpa, CATARINA. Parecia que tinham feito uma sabonária lá dentro... :)

      Eliminar
  5. Consigo ouvir a melodia. Muito bonita.
    Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, tu e toa gente consegue uvir, eu é que não. Deve ter ido alguma aplicação ao ar e eu não sei resolver o problema. Que só acontece no blogue, tanto no Youtube como no facebook consigo ouvir... :S

      Beijocas

      Eliminar
  6. Estes posts de enigmas são um hábito constante para mim, Té ! Neste caso, para mim são um autêntico hino aos Jardins !
    Amanhã passo para ver e fazer um bocadinho de praia.
    Quanto ao vídeo, tudo perfeito ! :))

    Até amanhã ! ... e um beijino constante, ajardinado !
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Passear em jardins também é um hábito constante, para mim, RUI! E tenho muita pena de não conhecer o de Serralves, mas no dia em que visitei o museu chovia bastante, não dava para o passeio no exterior!

      Já percebi que foi só dar uma olhada e... desafio no papo! :)))

      Um beijinho também muito constante!

      Eliminar
  7. Começa por T e é mencionado no "Pátio das Cantigas", com Vasco Santana, António Silva, Laura Alves, ...

    Dorme bem, ma belle :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É possível que seja mencionado no "Pátio das Cantigas", SÃO, mas francamente não me lembro... :)

      Bons sonhos!

      Eliminar
  8. O último (a praia artificial) está na berra!
    Beijinhos e votos de boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois está, PEDRO! Pessoalmente, não tomava banho ali nem que me pagassem... :))

      Beijocas e boa semana!

      Eliminar
  9. Praia, dia 1 de Agosto 2014 ! :)) ... e valha-nos o Santo António, que disponibilizou este sítio.
    Agora vou ter com o meu tio Constantino que tu conheces !

    Beijocas e uma bola de Berlim ! :))
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, também há ma barraquita de venda de bolas de Berlim, RUI! :)))

      Beijocas para ti e cumprimentos ao teu tio Constantino!

      Eliminar
  10. Não conheço nenhum dos jardins, como mal conheço Lisboa.

    Gosto de "O tempo não para", na voz de Mariza... mas o tempo para mesmo.

    Beijocas e votos de boa semana, querida Teté!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deixa estar, EMATEJOCA, se fossem jardins do Porto ou de Dusseldorf, era eu que ficava a apanhar bonés... ;)

      Também gosto da música, mas estou chateada porque não a consigo ouvir aqui, nem nos outros blogues. E não sei como resolver a situação...

      Beijocas e uma feliz semana para ti!

      Eliminar
  11. Também conheço o tio do Rui, ele gosta muito de jogar às cartas!
    Quanto à praia na cidade foi inaugurada em dia de neblina!
    Gosto da voz da Mariza!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh, ROSA, oh se gosta! :)

      Quanto ao dia da inauguração, não sei, que na altura estava de férias, mas não resisti a cuscar a dita "praia"!

      Também eu, se bem que fado não seja uma das minhas predileções. Mas esta não é e ela canta-a lindamente!

      Abraço

      Eliminar
  12. O Jardim com o kioske? Conheço! Até lá servem cálices de brandy... (eheheeehhh).
    A praia? pois claro que conheço quanto mais não fosse porque tem sido noticiada na TV.
    eu inté conheço o pereesidente da junta...
    À Marisa, continui cantando para prazer de quem a ouve!

    Beijokas perfumadas de sorrisos ;))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah, KOK, assim à primeira nem estava a entender a dica, mas depois lembrei-me de uma "aventura" juvenil com o dito brandy... :)))

      Epá, o presidente da junta é que não sei quem é! :D

      Que continue cantando, sim!

      Beijocas sorridentes!

      Eliminar
    2. O presidente da junta é o Vasco Morgado, (neto da Laura Alves), e que está executando um excelente trabalho naquela freguesia com ideias e decisões próprias de um verdadeiro e interessado autarca local.

      Beijoka!

      Eliminar
    3. Ora essa é que eu não sabia, KOK. Não o conheço pessoalmente, mas conheci o pai - numa pequena entrevista. A avó, está claro vi em palco e no pequeno ecrã... :)

      Bons autarcas fazem sempre falta, em Lisboa e em qualquer cidade!

      Beijoka!

      Eliminar
  13. Tem tido muita publicidade nos jornais e os lisboetas devem estar a gozar bastante com esta prainha no meio da sua cidade.

    De facto o tempo não para! Tempus fugit diziam os Romanos e é bem verdade (embora não aprecie muito a fadista - nem esta nem as outras...)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Prainha, dizes bem, GRAÇA, que o "tanque" tem lotação limitada, não dá para todos os lisboetas! Mas mesmo assim já vale a pena, para ver uns putos felicíssimos com a brincadeira... :)

      Fado também não é a minha música predileta, daí ter escolhido esta canção! Mas não a oiço, só indo ao Youtube!

      Beijocas

      Eliminar
  14. Sobre o segundo, também já escrevi no CR. Quanto ao primeiro fica perto de um local onde já trabalhei. Por ali costumava passear à hora do almoço na companhia do irmão do Zeca. Pelo menos, é o que me parece, mas virei para confirmar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sei, CARLOS, pus porque fui lá bisbilhotar a "curiosidade"! Por irmão do Zeca, não estou a ver... ;)

      Beijocas

      Eliminar
  15. Para começar estou a escrever e a ouvir a Mariza..."Eu sei que a vida tem pressa que tudo aconteça, sem que a gente peça..."
    Grande verdade!
    Quanto ao jardim não estou a reconhecer,e a praia no meio da Cidade tem sido por demais badalada, vai daí...sei! :)

    Não percebi as dicas do Rui, mas ainda vou ver se descubro o nome do Jardim!

    Beijinhos e tudo de bom, Teté!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto especialmente desta música, JANITA, não só pela voz da Mariza, como pelo poema.

      As dicas do Rui, como sempre, acertam na "mouche"! :)))

      Beijocas

      Eliminar
  16. Ainda não pude confirmar se é o jardim que eu penso,mas quero dizer que o video está bom. Há bocado não consegui ouvir, mas agora está perfeito.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois eu não consigo ouvir nada em blogues, se tiver indicação posso ir ao Youtube. Mas é chato, CARLOS!

      Beijocas

      Eliminar
  17. A praia pela capital até está compostinha. EHehe
    Mesmo não tendo muito a ver há que referir que adoro esta música da Mariza. É deliciosa.
    Beijinhos de sol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compostinha ou não, facto é que a criançada parecia estar a adorar a "praia", TONS DE AZUL, e só por isso já vale a pena... :)

      Também gosto muito desta música!

      Beijinhos ensolarados para ti!

      Eliminar
  18. ~
    ~ Olá, querida Teté!

    ~ O jardim com prainha, como disse a São, começa por T e eu acrescento que termina em "el".
    ~ Tem ao lado o vehinho Lavra e do alto da colina uma paisagem deslumbrante que eu adoro apreciar.
    ~ Gosto de saber que foi requaificado-- confio no bom gosto do Vasco Morgado Jr.
    ~ Não me importava nada de ter um apartamento em S. josé, com a a tal vista fantástica.

    ~ ~ ~ ~ ~ ~ B e i j o q u i n h a s. ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ~
      ~ ~ Enviei-te um correio eletrónico. Penso que, desta, vais gostar. ~ ~

      ~ ~ Tal como a Leo, gosto de ouvir a Mariza. ~ ~ XX ~ ~

      Eliminar
    2. Esse acho que ninguém falhou, MAJO, que está na berra e é novidade... :)

      A vista é realmente fantástica, mas a zona é uma mistura de grandes palacetes e de casas paupérrimas (quase todos a precisar de obras). Resumindo, há melhores zonas na cidade para viver...

      Beijocas

      Eliminar
    3. Quem não gosta de ouvir a Mariza, anda mais não cantando fado, MAJO? :)

      xx

      Eliminar
  19. Oh my God! Então não é que passo imensas vezes por lá ( trabalho no Saldanha) e não o reconheci? Pensava que era o Jardim da Maria da Fonte, em Campo de Ourique, onde também trabalhei.
    Quanto ao outro, por razões óbvias ( já tinha escrito um post sobre a praia e o INATEL com quem colaborei muitos anos fica lá mesmo ao pé) era fácil para mim.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acontece a todos, CARLOS, que às vezes vamos tão absorvidos nos nossos pensamentos/vida, que nos escapa o óbvio. E é diferente ir e sentar na esplanada a "morder o ambiente", do que ver só de passagem... :)

      Beijocas

      Eliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)