terça-feira, 11 de setembro de 2012

TERAPIA A DOIS

Após 31 anos de casamento, a vivência de Kay (Meryl Streep) e Arnold (Tommy Lee Jones) baseia-se na rotina e numa ou noutra conversa trivial, sobre o trabalho ou a ementa do jantar. Se Arnold parece acomodado com a situação, Kay sente-se infeliz, pois considera que ainda é cedo para desistir da magia do relacionamento a dois. Ao encontrar numa livraria o livro do terapeuta conjugal dr. Feld (Steve Carell), supõe ser essa a solução para o seu casamento e, gastando todas as suas poupanças, marca uma viagem de uma semana para ambos, rumo à pequena cidade de Hope Springs, no Maine, onde o terapeuta dá cursos intensivos a casais com problemas.

O marido refila mas acaba por aceder. Será que com a ajuda do dr. Feld, o casal reencontra a intimidade há muito perdida, ultrapassando os tabus e o pouco à vontade de conversar sobre "certos assuntos"? Fica o trailer, para quem quiser espreitar:


Realizado por David Frankel, segundo argumento de Vanessa Taylor, o filme obtém apenas a pontuação de 6.6/10, na IMDb. Talvez porque a par de nos fazer rir ou sorrir, também nos comove e incentiva a pensar: a rotina e a falta de diálogo, carinho e sexo não são o caminho mais rápido para qualquer casamento se desgastar?

Os atores, escusado será dizer, têm excelentes interpretações! Nem que fosse só por isso, já valia a pena...

Imagem de cena do filme da net.


23 comentários:

  1. Apesar de ser um tema já muito visto em filmes só pelos actores vale a pena ver.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mesmo assim não abordado desta forma, RAINHA... :)

      Eliminar
  2. Três grandes actores, mas sou especialmente fã do Tommy Lee Jones :)

    (o que é que tem a foto do meio, Tété? :) )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou mais fã dela, VIC! Embora considere todos muito bons, incluindo o Carell que às vezes faz uns filmes mais parvos... :)

      Eliminar
    2. Sorry, a fotografia do meio pareceu-me um lapso, mas pode ser que esteja enganada... :)))

      Eliminar
  3. Ao ver esta e tantas outras coisas do género que tens postado, pergunto-me : o que se passa comigo, que este ano ainda não fui uma única vez ao cinema ? :(((
    Será que me esqueci que é uma bela forma de passar algum tempo com imenso prazer ? ...
    Tem sido de facto um ano muito diferente para mim ! :((

    jocas, Té ! :((
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, RUI, acontece! Mas se foi um ano diferente, já estás na altura de voltar às salas de cinema e a essa bela maneira de conhecer o que prái vai... :)))

      Jocas!

      Eliminar
  4. Mesmo os casais mais novos poderão se identificar, pois muitas das características do comportamento masculino e feminino são colocados de um modo a serem vistos como um problema na vida à dois. A única diferenciação é o sexo, mas é notório que esse par, ainda possuem muito carinho um pelo outro. O que seria acomodação? Você já leu o poema "Parem de falar mal da rotina"? Boa semana!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que se pode aplicar a casais mais novos, LUMA! E sim, é notória a diferenciação entre os pontos de vista masculino e feminino sobre o mesmo assunto. Mas isso só constitui problema, se o casal deixar... A falta de diálogo e a rotina (sim, poder-se-à entender que há "boas" e "más" rotinas, não depende tanto da repetição, mas dos actos em si que se repetem, sendo a "má" os gestos vazios e mecanizados, como estrelar ovos sempre da mesma maneira, para pôr na mesa sempre à mesma hora, por exemplo) não costumam ajudar nada. A falta de carinho, intimidade e sexo também não! :)

      Não conhecia o poema, obrigada!

      Beijocas!

      Eliminar
  5. Estou à espera que o filme seja estreado cá para ir ver. Já tinha lido uma crítica negativa sobre o filme, mas esta só me deu alento e entusiasmo para ir assisti-lo!
    Merly... é sempre Merly :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que a Meryl é sempre a Meryl, MIGUEL! Depois de o ver também li algumas críticas negativas e outras positivas. É como tudo... :)

      Eliminar
  6. No regresso a casa, a melhor terapia foi mesmo ler os comentários nos posts da ONDA!
    Estou tão deprimido, que não acredito que algo me possa animar nos próximos dias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, estamos todos deprimidos, CARLOS! Demais, até!

      Foi mesmo uma boa onda... :)

      Eliminar
  7. Parece ser giro :)

    Terapia precisa-se para muitas relações, de amor, de amizade, nas famílias e por aí...

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que sim, MARIA! Aqui só foca a história de um casal de meia idade, mas poderia ser extensível a outras relações... :)

      Beijocas!

      Eliminar
  8. Eu e duas amigas já tínhamos decidido ir ver, pois admiramos muito esta actriz e eu , o actor.

    Bons sonhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso até gosto dos 3 atores, SÃO! Se bem que o último de vez em quando faça umas palhaçadas... :)

      Bons sonhos para ti também!

      Eliminar
  9. Esta comédia fez-me rir bastante. Nem todas as chamadas “comédias” o conseguem fazer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim fez-me rir, CATARINA, mas também me comoveu. Não é uma tristeza quando a relação chega a este ponto? ;)

      Eliminar
    2. Não cheguei a perceber a razão para o estado tão... inerte... do marido. Chegaste a alguma conclusão, Teté? Mesmo que se estivesse instalado a monotonia, a falta de entusiasmo, etc etc... alguma ação aconteceria de vez em quando, caramba! De dois em dois meses, por exemplo... ou quando o rei faz anos! ; ))))

      Eliminar
  10. As relações muito longas têm altos e baixos, viver todos os dias em felicidade plena é uma utopia mas vai-se dando um jeito! :-))
    É que há muita dor que tem que ser gerida a dois e as pessoas não são todas iguais!
    Quando falo de dor, falo por exemplo da perda de um filho! :-((

    Abraço

    ResponderEliminar
  11. Sou fã da Meryl Streep... quero ver. :)

    ResponderEliminar
  12. Adoro os três actores de que falas... fiquei muito interessada! =)

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)