sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

A ÁRVORE DAS ROLHAS

Confesso que não tenho jeito nenhum para trabalhos manuais, disciplina que em tempos idos me dava "água pela barba" só para ter a nota mínima. Mas para provar que na minha família há quem tenha essa habilidade natural, fica aqui uma árvore de Natal montada  com cento e tal rolhas, que demoraram dois anos a coleccionar. A ideia não é original (suponho que foi tirada de uma revista), mas a realização é da minha mana, que também faz tricot e ponto cruz, quando está para aí virada. E não é a única, que a minha cunhada também é adepta do ponto cruz, embora nos últimos tempos se tenha dedicado mais à ourivesaria. Resumindo, aqui a única "ovelha ronhosa" sou só eu, mas não posso dizer que tenho pena, porque aproveito os meus tempos livres para ler, coisa que elas fazem pouco ou (quase) nada... Cada uma com os seus hobbies, não é verdade?

Claro que em vésperas de consoada, a árvore das rolhas serve também uma segunda finalidade: a de desejar a todos um...

F E L I Z   N A T A L!

15 comentários:

  1. Está linda essa árvore de Natal. Parabéns à mana.
    Feliz Natal também para ti e boas leituras. :)

    ResponderEliminar
  2. Trabalhos manuais? Foi disciplina que nunca "me deu" uma única nota positiva. Sempre de 7 para baixo na escala de o a 20. O que me concede a graça de apreciar quem tal habilidade tem.
    A minha árvore de Natal é ´menos espectacular porém mais luminosa; uma chinesice!
    Para ti o desejo de excelente Natal, com alegria e boa companhia e com prendas excelentes como tu mereces.
    Beijos enfeitados com sorrisos.

    ResponderEliminar
  3. Obrigada, Teté!
    Eu adoro "manualidades" :))) e acho que tens razão :cada um nasce pró que nasce!
    Passa um excelente Natal cheio de livros.
    bjs

    ResponderEliminar
  4. Ficou uma árvore colorida e diferente :)
    Feliz Natal Teté
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  5. Em trabalhos manuais também era ( e sou) uma nulidade. Já a comer rabanadas, era muito bom! Feliz Natal, Teté. Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. E Boas Festas para si também. E para a mana e a cunhada que são habilidosas.

    ResponderEliminar
  7. Anónimo12/24/2016

    Agradeço e retribuo os desejos de Boas Festas, Teté.
    Renda, tricot e outras "aptidões" tb não é comigo. Ler, fotografar e preparar brunches já sou "perita"!

    Bjos



    Catarina

    ResponderEliminar
  8. Votos de Boas Festas.
    Quanto ao conteúdo do texto, descansa que não és a única que não tem jeitinho nenhum para trabalhos manuais :P
    Felizmente há sempre habilidosas que mostram os seus dotes.
    A árvore ficou linda.

    Beijinhos Teté

    ResponderEliminar
  9. De mansinho, venho aqui deixar o meu abraço e desejar-te um 2017 cheio de belos projectos.

    ResponderEliminar
  10. querida Teresinhamiga

    E vem aí dentro de dias 2017; oxalá que seja menos mau do que este 2016 felizmente prestes a acabar. E junto o desejo de que o novo traga muita saúde, paz, amor e solidariedade.

    Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  11. Um otimo ano novo, Tete.

    Muita saude e muitos passeios.

    Nao esquecendo os livros.
    : )

    Bjos

    ResponderEliminar
  12. De passagem para te (vos) desejar uma feliz e alegre passagem de ano, seja lá onde for que aconteça!
    Beijokas com muitos muitos sorrisos!

    ResponderEliminar
  13. Olá Teté!
    Venho desejar-te um bom 2017, cheio de saúde, amor, alegria...
    Bjs.

    ResponderEliminar
  14. Sempre me dá alguma consolação não ser a única "desajeitada" de serviço.

    Quanto ao resto, obrigada a todos emuitas felicidades para 2017!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  15. Aqui é mais árvores das patacas :)))
    Bom Ano de 2017!
    Beijocas

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)