domingo, 14 de setembro de 2008

TROCA PARA MARCAR

O desafio partiu da Su, da Teia de Ariana, e consistiu em fazer um marcador de livros, para trocar com outro dos habituais visitantes da sua "casa". Como já referi anteriormente, não sou dada a trabalhos manuais e jeito para desenho também não abunda, de modo que só tinha de efectuar várias experiências e simplificar o mais possível. E o resultado foi este:

Como calhou que a troca fosse com um homem, desisti das florinhas (que aliás foi o que correu pior, por ser feito num material plástico que enfolou na plastificação, ah, ah, ah!) e decidi-me por este:

Afinal, o céu e as estrelas são para todos, não é verdade?

De regresso a casa, encontrei este marcador na minha caixa de correio. Realizado pela própria Su, que não sei se ele desistiu, que já me tinha dito que não tinha muito tempo e com férias em momentos diferentes a comunicação acaba por atrapalhar...

De qualquer forma ADOREI o desafio e ainda mais o marcador (que a foto não está lá grande coisa, mas foi tirada à última hora para aparecer aqui), que no verso diz o seguinte:

"... o que sei é que o homem deve construir o seu reino, achar o seu lugar na verdade da vida, da terra, dos astros, o que sei é que a morte não deve ter razão contra a vida nem os deuses voltar a tê-la contra os homens, o que sei é que esta evidência inicial nos espera no fim de todas as conquistas para que o ciclo se feche - o ciclo, a viagem mais perfeita."
in Aparição, de Vergílio Ferreira

Bom, ainda era para sugerir algumas leituras de férias, para não repetir algumas das já divulgadas só avanço três de boa disposição garantida:

"História de Portugal em Disparates" (compilação de Luis Mascarenhas Gaivão, 2ª edição de 1988)

"coca-cola Killer" de António Victorino d'Almeida (1996)

"O Xangô de Baker Street" de Jô Soares (5ª edição de 2001)

E assim se regressa à cidade...

26 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Ficou uma série de gente com inveja!
    Há tantos que gostavam que alguém lhes oferecesse o céu ou uma estrela...
    ;o)

    Um sorriso

    ResponderEliminar
  3. ... marcadores interessantes para quem diz não ter jeito ;)

    beijinhos,
    FATifer

    ResponderEliminar
  4. Mas estão todos fantásticos! E dizes que não tens jeito para trabalhos manuais? Que faria se tivesses!

    Eu, apesar de ter acesso fácil ao material necessário, incluindo máquina de plastificar e guilhotina, não sei se teria tido paciência eheheh

    O trabalho final ficou perfeito e gosto de todos, mas esse que escolheste para trocar é liníssimo.

    O que te calhou na rifa também está bem imaginado.

    JINHOS

    ResponderEliminar
  5. Conheça o que o futuro lhe reserva!

    O meu nome é Maria e dou consultas de Tarot.


    Promoção até 30 de Setembro, uma pergunta grátis por telefone.

    963105961

    ResponderEliminar
  6. Eh, eh, eh, SORRISOS, inveja do meu humilde marcador??? :)
    O céu e as estrelas são só na cartolina...
    Sorriso grande para ti!

    FATIFER, a falta de jeito colmata-se com a simplicidade e a cor... ;)
    Jinhos!

    Eh, eh, eh, PASCOALITA, pelo menos a guilhotina tinha dado um jeitaço, que a cortar com a tesoura às vezes não sai assim lá grande coisa... :)
    A plastificação já foi feita por profissional, que não tenho máquina para isso e as anteriores aventuras com aquele plástico-de-forrar-livros nunca correram por aí além (demasiadas bolhas de ar pelo meio)! :)))
    Mas até me deu gozo fazer, muito até...
    Jinhos, nina!

    ResponderEliminar
  7. Ah, MARIA, lamento mas não estou interessada...

    ResponderEliminar
  8. Ora que boa ideia e por as fotos das férias felizes e plastifica-se..lindo para oferecer à familia e amigos, good idea pois..jinhos.

    ResponderEliminar
  9. Ah, LAURINHA, a boa ideia partiu da Su e como achei piada (até faço colecção de marcadores de livros, eh, eh, eh), lá pus mãos à "obra"... :)))

    Dava para fazer com fotos, colagens, desenhos, rendas, bordados, resumindo: a imaginação e a perícia de cada um. E sim, também serve de prendinha para amigos!

    Jinhos, nina!

    ResponderEliminar
  10. Boa e linda ideia, sim. E com muitas possibilidades. Ainda bem não tens jeito, se tivesses... (`_^)

    ResponderEliminar
  11. Gostei imenso dos teus marcadores. Especialmente do das estrelas. :)
    O que recebeste da Su tambéme está espectacular. Grande iniciativa da Su. :)

    E não digas que não tens jeito, porque não acredito nisso!

    ResponderEliminar
  12. Oi amiga.Mesmo não ser dada a trabalhos manuais este ficou excelente,que não gosta do céu e estrealas??Parabéns.
    Que seu dia seja repleto de alegrias.bjtos.Nile.

    ResponderEliminar
  13. esse livro da historia de Portugal em disparates tem vindo a ser actualizado?

    ResponderEliminar
  14. As possibilidades são muitas mesmo, SUN! (`_´)

    A ideia foi giríssima, TONS DE AZUL!
    Não tenho jeito não, mas diga-se em abono da verdade que também sou um bocadinho perfeccionista... :)))

    ResponderEliminar
  15. Bem-vinda, NILE!
    Ná, não te vou fazer concorrência, esta experiência foi só uma brincadeira...
    Feliz dia para ti também! :)))

    Não creio, VÍCIO!
    O livro é uma compilação, feita por um professor de história, dos vários erros e disparates que os alunos escreviam nos testes... :D
    (enfim, também podia dar para chorar!)

    ResponderEliminar
  16. não posso ler o história de Portugal em disparates porque farto-me de chorar a rir... não posso chegar-me, nem sequer perto, de tal livro:)

    ResponderEliminar
  17. Há livros assim, MOYLITO, que nos fazem chorar... a rir! :)))

    ResponderEliminar
  18. Tá ali o meu, tá ali o meu!!! =)))))))))))))))))

    ResponderEliminar
  19. Xii, não tem jeito, diz ela... e nós acreditamos mesmo... ;-)))))

    ResponderEliminar
  20. BolaS, tete, encontras sempre livros altamente! Já estou a salivar por esse da historia de portugal em disparates!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  21. Nina, um dia aparece por cá e mostro-te Braga, nem é que a conheça nos lugares mais belos, mas de vez em quando levam-me como ontem ao pé de casa e que beleza de lugar o Museu D. Diogo...lá dentro os jardins e o espaço agradável e tem almoços jantares a 11 euros por pessoa e self service e até camarão tinha sobrado que eu vi...bolas por 11 euros, e come-se muito bem. fazem la almoços e jantares de anos..pudera... Braga é linda sim e o gerês um encanto, adoro parar lá o carro e ver os barcos, o pessoal a passear, em Agosto não, é mais turistas e os nossos que vêm de férias e o transito enerva, não saem do lugar e tá calor... Beijinhos.

    ResponderEliminar
  22. Ah, pois está, VAN! A foto foi tirada antes da nossa "happy hour"... :)))
    Não tenho jeito, mas tenho paciência para inventar umas coisitas que não requerem grande perícia! Garanto-te que uma guilhotina tinha dado um jeitaço...
    O livro é mesmo para chorar a rir! Ou, na altura, foi para o que me deu! :D

    LAURINHA, as férias este ano já acabaram, mas quem sabe pró ano, num fim de semana alargado? (tenho alojamento em casa de familiares em Caminha, nem é isso que está em questão) No dia em for lá, prometo que te aviso com alguma antecedência. Beijocas e gracias pelo convite de nos mostrares Braga! :)))

    ResponderEliminar
  23. Adorei o teu ceú de estrelas. Na primeira foto, foi logo o que me 'piscou' o olho, apesar dos outros também serem bonitos. Eu gostei do das florzinhas, e não se nota nada da plastificação enguiçada.
    Tá muito giro, Teté! Não sei que ideia é essa de não ter jeito para trabalhos manuais...

    Beijocas (apressaditas, ai que vida!!!)

    ResponderEliminar
  24. Xi, SAFIRITA, um elogio desses vindo de ti, que tens tanto jeito para este género de trabalhos, é mesmo para ficar babada... :)))

    Jinhos!

    ResponderEliminar
  25. Eu gosto do meu ihihihih :)))))))))

    ResponderEliminar

Sorri! Estás a ser filmad@ e lid@ atentamente... :)